17:43 19 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Atletas brasileiros conquistaram mais medalhas nos Jogos Paralímpicos do que nas Olimpíadas

    Redes sociais repercutem destaques dos Jogos Paralímpicos Rio 2016

    © REUTERS/ Carlos Garcia Rawlins
    Esportes
    URL curta
    Paralimpíadas Rio 2016 (16)
    2125920

    Os Jogos Paralímpicos de 2016 terminaram na noite de ontem, com uma bela cerimônia no estádio do Maracanã. Assim como as Olimpíadas, as Paralimpíadas do Rio de Janeiro também deixarão saudades.

    Nos Jogos Olímpicos, o Brasil terminou na 13ª posição no quadro geral de medalhas, com sete ouros, seis pratas e seis bronzes. Nos Paralímpicos, ficamos em 8º, com 14 ouros, 29 pratas e 29 bronzes.

    Falar em Olimpíadas ou Paralimpíadas não é só falar em medalha. Não é só falar em ouro. Mas também não deixa de ser. Embora muitas vezes outros momentos de luta, determinação, superação e espírito esportivo chamem mais atenção, não é possível ignorar os feitos de um atleta como Daniel Dias, por exemplo, responsável pelos quatro ouros que o país conquistou com a natação. 

    Com 24 medalhas, ele, que também faturou três pratas e dois bronzes, se tornou o maior nadador paralímpico da história. 

    No atletismo, Ricardo Costa de Oliveira, Shirlene Coelho, Claudiney Batista e outros grandes atletas conquistaram nada menos do que 33 medalhas para a delegação brasileira, sendo 8 de ouro. 

    Além dos brasileiros e das medalhas, também chamaram a atenção nesses jogos atletas de diversas partes do mundo, e não apenas pelas suas conquistas. 

    Teve quem se destacou principalmente por conta de sua altura...

    Pela destreza...

    E pela história de vida.

    O público, brasileiro e estrangeiro, incentivou o tempo todo os atletas. Nas arenas...

    E também nas ruas.

    #paralimpiadas🇧🇷 superação

    Um vídeo publicado por Marcinha (@_marcia_albuquerque_) em Set 11, 2016 às 5:32 PDT

    E, assim como nos Jogos Olímpicos, teve festa. Muita festa. Antes... 

    Durante...

    E depois.

    Apesar das inúmeras alegrias, também teve tristeza.

    No fim das contas, todos gostaram. 

    Gostaram tanto que querem mais. Depois dos Jogos Pan-Americanos, da Copa do Mundo, das Olimpíadas e das Paralimpíadas, tudo isso em menos de dez anos, vai ser difícil para os brasileiros ficar sem um evento esportivo desse porte por um bom tempo...

    Tema:
    Paralimpíadas Rio 2016 (16)

    Mais:

    Adeus à Rio 2016: Cerimônia de encerramento das Paralimpíadas emociona Maracanã
    Turistas brasileiros e internacionais aprovam Jogos Paralímpicos no Rio
    Tropas federais serão mantidas no Rio após os Jogos Paralímpicos
    Bandeira da Rússia na abertura das Paralimpíadas incomoda mídia ocidental
    Tags:
    Copa do Mundo, Jogos Paralímpicos, Jogos Olímpicos, Rio de Janeiro, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik