04:29 20 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    1103
    Nos siga no

    O chanceler da Áustria, Sebastian Kurz, declarou-se nesta quinta-feira (1º) contrário à aprovação do acordo comercial entre a União Europeia e Mercosul.

    Kurz deu a declaração antes de reunião com os outros 26 líderes do bloco em Bruxelas.

    "É claro que não pode haver acordo no atual estágio de negociações e estou feliz que muitos Estados-membros [da UE] agora aceitem uma visão semelhante", afirmou, citado pelo jornal Folha de S.Paulo.

    O acordo entre Mercosul e União Europeia já recebeu críticas diversas vezes pelo Parlamento austríaco, pelo governo francês e por parlamentares da Holanda e da Bélgica.

    O argumento mais utilizado é de que o agronegócio na região do Mercosul causa desmatamento e é danoso ao meio ambiente.

    As negociações para o acordo foram concluídas em junho do ano passado, mas para que seja aprovado, ele precisa passar com unanimidade pelo Conselho Europeu (que reúne os 27 países do bloco).

    Mais:

    Mourão culpa Argentina, dribla Amazônia e diz que acordo UE-Mercosul pode 'fazer água'
    Por razões ambientais, França confirma oposição a acordo UE-Mercosul
    Mesmo com destruição da Amazônia, Alemanha mantém esperança por acordo UE-Mercosul
    'Na defensiva' com queimadas, Brasil torna-se entrave no acordo Mercosul-UE, diz professor
    Tags:
    América do Sul, Brasil, Áustria, Mercosul, Acordo de Livre Comércio entre União Europeia e Mercosul, União Europeia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar