05:14 03 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    Pandemia da COVID-19 no mundo em meados de julho (46)
    0 120
    Nos siga no

    O fundo de investimentos BNP Paribas Asset Management alertou que a economia mundial está ameaçada por enorme recessão como consequência da pandemia do coronavírus.

    A economia mundial está cada vez mais ameaçada à medida que a pandemia da COVID-19 se propaga pelo mundo. Apesar de vários países já terem reaberto as suas economias depois de passar pelo pico de contágios, os prognósticos em nível mundial não são nada encorajadores.

    Em uma entrevista ao jornal Financial Times, Frédéric Jambon, do fundo de investimentos do BNP, salientou que o crescimento constante do mercado de ações após a queda colossal registrada no mês de março não reflete a situação econômica real atual, assim como não contempla outros cenários que podem golpear duramente a economia mundial.

    "A enorme retomada que temos visto por vários meses após o ponto mais baixo em março pode estar ocorrendo muito rápido e não leva em conta o risco de uma segunda onda [de contágios]", argumentou Jambon.

    O analista acrescenta que a recuperação econômica será longa e em forma de "U", sendo pouco provável uma recuperação em forma de "V".

    Tema:
    Pandemia da COVID-19 no mundo em meados de julho (46)

    Mais:

    China minimizou impacto econômico, enquanto EUA correm risco de se tornar país zumbi, diz economista
    Como corte de gastos dos brasileiros afeta a economia na pandemia?
    China evita recessão com crescimento de 3,2% no PIB de abril a junho
    Tags:
    crise econômica, recuperação, pandemia, economia, novo coronavírus, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar