18:08 20 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    671
    Nos siga no

    O governo brasileiro vai criar uma secretaria vinculada à Casa Civil para acelerar o processo de entrada do Brasil na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

    A informação foi dada pelo ministro da pasta, Onyx Lorenzoni, após sua visita à embaixada dos EUA em Brasília nesta quinta-feira (16).

    O decreto de criação da secretaria deve sair até a próxima segunda-feira (20).

    “Por determinação do governo Bolsonaro, nós estamos alterando a estrutura da Casa Civil e criando uma diretoria específica, uma secretaria que vai se debruçar sobre a OCDE”, afirmou o ministro, citado pelo G1.

    Onyx foi até a embaixada norte-americana para agradecer o apoio dos EUA à entrada do Brasil na OCDE.

    “Até segunda-feira [20], tem um núcleo especifico que vai se dedicar. Buscamos um técnico que tem origem no TCU, que há muito anos trabalha nessa área, que é o doutor Marcelo Gomes, ele vai liderar essa equipe”, disse o ministro.

    Em uma nota publicada nesta terça-feira (14), a embaixada dos EUA em Brasília disse que "os Estados Unidos querem que o Brasil seja o próximo país a iniciar o processo de entrada na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico".

    Mais:

    EUA decidem apoiar entrada do Brasil na OCDE, diz embaixada
    Bolsonaro diz que Brasil está à frente da Argentina para entrar na OCDE
    Mudanças na Argentina e políticas do Brasil inverteram corrida para entrar na OCDE, diz analista
    'É uma decisão lógica. Bolsonaro é um trumpista', diz chanceler argentino sobre OCDE
    Tags:
    Brasil, Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), Casa Civil, Onyx Lorenzoni
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar