13:30 25 Abril 2018
Ouvir Rádio
    Bitcoin

    Bitcoin cai drasticamente depois de Coreia do Sul anunciar sua proibição iminente

    © REUTERS / Dado Ruvic
    Economia
    URL curta
    2103

    O ministro da Justiça da Coreia do Sul, Park Sang-ki, anunciou na quinta-feira (11) que o ministério está preparando um projeto de lei para proibir todas as operações com criptomoedas no país, informou a emissora CNBC.

    "Há grandes preocupações em relação às moedas virtuais e o Ministério da Justiça está preparando um projeto de lei para proibir o comércio de criptomoedas", declarou Park Sang-ki.

    O ministro acrescentou que não pode revelar detalhes mais específicos sobre o proposto encerramento das trocas comerciais de criptomoedas e explicou que várias agências governamentais estão trabalhando para implementar uma série de medidas a este respeito.

    Segundo os dados do portal CryptoCompare, o preço do bitcoin caiu quase nove por cento depois dos comentários de Park. De acordo com o Markets Insider, a criptodivisa perdeu mais de 12% de seu valor.

    Essa notícia representa um marco importante porque a Coreia do Sul é um dos maiores mercados das moedas digitais mais importantes como o bitcoin ou o ethereum.

    Entretanto, vários especialistas afirmaram que o comércio de criptomoedas na Coreia do Sul é muito especulativo e similar aos jogos de azar. Para eles, o mercado sul-coreano é muito "anormal" porque o preço das principais criptomoedas como o bitcoin ali é mais alto do que em qualquer outro lugar. Essa diferença no preço é chamada pelos especialistas de “crescimento de kimchi”.

    Mais:

    Quando e por que bitcoin colapsará?
    'Criptocrime': americana usa bitcoin para lavar dinheiro para o Daesh
    Tags:
    legislação, bitcoin, finanças, Coreia do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik