01:21 22 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Bandeiras de Rússia, União Europeia e França

    Opinião: empresas europeias querem operar na Rússia apesar das dificuldades

    © Sputnik / Vladimir Sergeev
    Economia
    URL curta
    7142
    Nos siga no

    As empresas médias e pequenas querem operar na Rússia apesar das dificuldades, comunica o jornal francês La Tribune.

    No fim do Setembro em Moscou vai ser realizado o primeiro fórum comercial russo-francês, onde vão participar homens de negócios franceses que querem vender a sua produção no mercado russo. 

    "É necessário ser persistente. É preciso convencê-los [os consumidores russos] da qualidade da nossa produção. É necessário compreender que as operações na Rússia vão exigir muitas despesas grandes em deslocações, tempo e certificados. Os russos estão prestando cada vez mais atenção para China mas estão preferindo os europeus", comunica o chefe da empresa francesa Tecofi Daniel Strazzeri, citado pelo La Tribune.

    Apesar das sanções e dificuldades, a empresa de Strazzeri está realizando a quarta do seu intercambio na Rússia. Agora a sua empresa tem filial em Moscou.

    Muitas empresas médias e pequenas estão considerando a Rússia como uma das regiões mais prioritárias para o desenvolvimento de negocio. O objetivo dos produtores europeus consiste em intensificação dos laços comerciais com o mercado russo "sem esperar o levantamento do embargo implicado devido à guerra na Ucrânia" comunica La Tribune citando o líder dos "Republicanos" franceses Laurent Wauquiez. 

    A posição dos políticos franceses tem impacto positivo sobre os homens de negócios da França, lembramos que em junho de 2016 o Senado da França apoiou a decisão do Comitê Nacional e votou à favor do levantamento das sanções anti-russas.

    Mais:

    Forbes sobre economia da Rússia: 'o pior já passou'
    Especialista em economia: ‘Não, Rússia não está em declínio’
    Tags:
    dificuldades, empresas, intercâmbio, fórum, negócios, desenvolvimento, política, economia, comércio, sanções, União Europeia, França, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar