08:49 16 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    1420
    Nos siga no

    Durante a última viagem realizada pelo porta-aviões Liaoning, os pilotos-instrutores de caças da Aviação Naval do Exército de Libertação Popular (ELP) receberam certificação para operar em porta-aviões durante a noite.

    Isto significa que o porta-aviões da China vai capacitar os pilotos para operações de combate noturno mais rapidamente do que antes, segundo o jornal Global Times.

    Os pilotos, a bordo de caças J-15, operaram e pousaram no convés de voo do porta-aviões Liaoning durante a noite e com condições climáticas adversas.

    Porta-aviões chinês Liaoning do Exército de Libertação Popular (ELP) da China
    © AP Photo / Vincent Yu
    Porta-aviões chinês Liaoning do Exército de Libertação Popular (ELP) da China

    Além de capacitar os pilotos para operações de combate noturno, a certificação também os torna mais eficientes, segundo o jornal chinês.

    "O maior desafio do pouso em um porta-aviões durante a noite é a baixa visibilidade, sem um ponto de referência ao redor, contando apenas com as luzes de instruções no porta-aviões para pousar com precisão no pequeno convés de voo [...]", afirmou um oficial chinês.

    De acordo com o especialista militar Yin Zhuo, em outras Marinhas que operam porta-aviões, como as dos EUA e França, aproximadamente 60% dos pilotos estão qualificados para operações noturnas.

    Mais:

    Desonesta e prejudicial: ex-chefe da inteligência americana define China como 'principal ameaça'
    China usa todos os instrumentos para alcançar seus objetivos, EUA ficam para trás, diz general
    China rebate EUA sobre 5G da Huawei no Brasil: 'Querem sabotar a parceria sino-brasileira'
    Tags:
    China, porta-aviões, treinamento, treinamento militar, piloto, pilotos, combate, combates
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar