09:13 03 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 32
    Nos siga no

    A Força Aérea dos EUA testou o avião de reabastecimento KC-135 Stratotanker com novos sistemas instalados, que permitirão que a aeronave sirva como um nó de comunicações para outras plataformas.

    Isto incluiria drones armados, com planos para adicionar pods debaixo da asa, que elevariam suas capacidades e reforçariam suas defesas.

    De acordo com o portal The Drive, nos últimos testes a aeronave recebeu dados do drone UTAP-22 da Kratos, um aparelho do tipo "loyal wingman", ou "ala leal".

    F/A-18F Super Hornet e KC-135 Stratotanker da Força Aérea dos EUA
    F/A-18F Super Hornet e KC-135 Stratotanker da Força Aérea dos EUA

    O pacote de Informação em Tempo Real na Cabine (RTIC, na sigla em inglês) permite que a aeronave obtenha capacidades de comunicação compatíveis com os sistemas padronizados Link 16 da OTAN, fornecendo um novo nível de reconhecimento situacional à tripulação da aeronave, com informações precisas e resultados potencialmente significativos.

    "As tripulações dos KC-135 vão ter agora a capacidade de tomar decisões baseadas em melhores informações e se comunicar de maneira mais eficiente com suas aeronaves receptoras, equipadas com um datalink tático desde o início dos anos 1990, mudando nossa maneira de operar e fornecer efeito de combate", afirmou o tenente-coronel Jeff Gould.

    O programa RTIC fornece um caminho e uma linha base para o KC-135 apoiar o Sistema Avançado de Gerenciamento de Combate, tornando o avião em um "depósito de dados", que pode fornecer informações de todos os tipos de plataformas, por ar, terra, mar, espaço e domínio cibernético.

    Mais:

    Força Aérea dos EUA aprova uso de míssil israelense de longo alcance em helicópteros Apache (FOTO)
    Piloto da Força Aérea norte-americana explica como 'fracasso' do caça F-35 pode ser útil aos EUA
    Boeing entrega oficialmente 1º caça F-15EX à Força Aérea dos EUA (VÍDEO)
    Tags:
    avião, avião militar, drone, teste, testes, teste militar
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar