12:22 17 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 420
    Nos siga no

    A artilharia do Distrito Militar Central das Forças Armadas russas testou as capacidades do canhão autopropulsado Malka, considerado um dos mais poderosos do mundo.

    Durante o exercício, realizado na Sibéria, os militares utilizaram diversas unidades da peça de artilharia de 203 milímetros para disparar contra o quartel-general de um inimigo simulado.

    Após realizar os cálculos necessários, atingiram com sucesso os alvos e destruíram com múltiplos disparos as instalações do inimigo virtual, localizadas a mais de 30 quilômetros de distância, detalhou o Ministério da Defesa da Rússia.

    O 2S7 Malka é considerado um dos canhões mais potentes em serviço no mundo. Criado na União Soviética, sua versão modernizada, o 2S7M, foi adotada em serviço nas Forças Armadas russas em abril de 2020.

    Os canhões Malka são capazes de disparar até três projéteis por minuto a uma distância de até 50 quilômetros.

    Mais:

    Rússia testa tanques T-90M com 'operações de combate centradas em rede'
    Poderoso tanque russo Armata agora conta com permissão para exportação
    Mais leve e resistente: cientistas russos desenvolvem blindagem para tanques usando tecnologia 3D
    Tags:
    exercícios militares, exercícios, forças armadas, Rússia, canhão, artilharia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar