05:40 01 Março 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    5252
    Nos siga no

    Um vídeo mostra o lançamento de mísseis de cruzeiro antinavio durante exercícios militares realizados no sudeste do Irã e no norte do oceano Índico.

    As cenas do vídeo mostram mísseis de cruzeiro sendo lançados de sistemas móveis de defesa costeira e de navios de superfície, bem como a destruição de boias-alvo, que estavam sob monitoramento aéreo.

    Além dos mísseis, é possível observar o Fateh, um submarino semipesado fabricado pelo Irã, que participou dos exercícios lançando seus torpedos pela primeira vez.

    O submarino elétrico-diesel, o primeiro de uma série de três embarcações, foi comissionado em 2019 e diz-se que está equipado com torpedos e mísseis de cruzeiro, e ainda com minas navais, além de contar com uma ampla variedade de sensores avançados e sistemas de orientação, usando 100% de tecnologia nacional.

    O exercício envolveu, para além dos mísseis, sistemas de defesa costeira, navios de superfície, submarinos e drones de reconhecimento e de combate.

    Submarino estrangeiro detectado na área dos exercícios

    Nesta quinta-feira (14), a Marinha iraniana anunciou que seus helicópteros de guerra antissubmarino (ASW) detectaram e rastrearam um submarino estrangeiro, que teria se aproximado da área onde os exercícios estavam sendo realizados no oceano Índico, deixando o local após ser identificado e contatado.

    As imagens de um vídeo publicado nas redes sociais mostram o submarino parcialmente submerso navegando após ser contatado por um helicóptero iraniano.

    ​Um submarino tenta se aproximar dos exercícios da Marinha iraniana e é alertado para não se aproximar. "Submarino desconhecido, aqui é um helicóptero de patrulhamento da Marinha iraniana". "Este é o meu último aviso, deixe a área imediatamente e mude a direção em 180 graus".

    A Marinha iraniana não especificou a qual país pertencia o submarino, contudo, a agência de notícias Tasnim sugeriu que a embarcação seria o USS Georgia, um submarino de mísseis balísticos da classe Ohio dos EUA, que foi recentemente enviado ao golfo Pérsico.

    Novos navios

    Recentemente, dois navios de guerra avançados, de fabricação nacional, entraram ao serviço da frota da Marinha do Irã no golfo de Omã, perto do estratégico estreito de Ormuz, conforme reporta a agência de notícias persa Mehr.

    Uma das embarcações é a corveta lançadora de mísseis de alta velocidade Zereh, equipada com armamento sofisticado para "aumentar as capacidades de combate da Marinha" nas águas do sul do país, de acordo com a agência.

    A segunda é o porta-helicópteros Makran, com 231 metros de comprimento, capaz de carregar até sete helicópteros e alguns veículos aéreos não tripulados.

    Em meio às crescentes tensões entre Washington e Teerã, o contra-almirante Alireza Tangsiri, atual comandante da Marinha do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (IRGC, na sigla em inglês) declarou na segunda-feira (11) que a República Islâmica tinha "controle total" do golfo Pérsico,

    Mais:

    Irã adverte Coreia do Sul para não politizar apreensão de petroleiro, exigindo liberação de fundos
    Exército do Irã revela novas capacidades de seus drones de combate em recente exercício
    Irã afirma estar trabalhando no design de novo reator nuclear de água pesada
    Tags:
    míssil de cruzeiro, míssil, exercícios militares, exercícios táticos, exercícios navais, exercícios, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar