14:13 22 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    286
    Nos siga no

    O Departamento de Defesa dos EUA anunciou um contrato no valor de US$ 4,6 bilhões (R$ 23,4 bilhões) com a General Dynamics Land Systems para realizar uma ampla modernização dos tanques Abrams M1A2 SEPv3.

    A modernização dos tanques envolverá os sistemas de comunicações, confiabilidade, eficiência do combustível, atualização da blindagem e sustentação, segundo o portal Defense World.

    Além destas modernizações, anteriormente o Exército norte-americano já havia anunciado um acordo com a Honeywell para o fornecimento dos motores AGT1500, para elevar a potência dos Abrams.

    O motor AGT1500 desenvolve uma potência de 1.500 cavalos. Além disso, o tanque contará com um canhão M256 de alma lisa de 120 milímetros, que pode disparar munição avançada de energia cinética M829E4 AKE.

    Tanque norte-americano Abrams M1A2 (foto de arquivo)
    © AP Photo / Exército dos EUA
    Tanque norte-americano Abrams M1A2 (foto de arquivo)

    O equipamento radioelétrico do tanque foi modificado para o uso do projétil XM1147 AMP com detonador programável.

    A nova versão apresentará uma eletrônica aprimorada do controle de disparo, ou seja, o SEPv3 poderá disparar com mais rapidez e maior precisão. Além disso, o motor, o trem de força e as lagartas também serão aperfeiçoados e serão capazes de suportar um maior peso.

    O SEPv3 é a terceira modificação do M1A2 e foi apresentado pela primeira vez em 2015. A modernização em massa do tanque está planejada para o início da década de 2020.

    O M1 Abrams é o principal carro de combate dos EUA e está em serviço de vários países do mundo. Sua produção em série foi lançada em 1980, enquanto sua versão mais moderna, M1A2, entrou em serviço em 1992.

    Mais:

    Sistema de transferência de dados entre F-35 e F-22 falha, mas Pentágono prossegue testes
    Pentágono não consegue rastrear bilhões de dólares perdidos em armas no Afeganistão
    Pentágono continuará trabalhando com equipe de transição depois das festas de fim de ano
    Tags:
    equipamento militar, modernização, Departamento de Defesa dos EUA, eua, veículos blindados, tanques
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar