11:45 03 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    126
    Nos siga no

    As forças navais dos Estados Unidos, Japão, Índia e Austrália realizaram exercícios em grande escala no oceano Índico.

    Segundo o canal NHK, se tratam das manobras anuais Malabar, das quais tradicionalmente participam os EUA, Índia e Japão, enquanto a edição deste ano também contou com a Austrália.

    As manobras começaram em 3 de novembro no golfo de Bengala, envolvendo destróieres e navios de patrulha.

    A partir desta terça-feira (17) os treinamentos se estenderam ao oeste do oceano Índico, ao mar Arábico, contando com a participação do porta-aviões nuclear Nimitz, dos Estados Unidos, e o porta-aviões indiano Vikramaditya.

    O canal aponta que as manobras são realizadas com o objetivo de se converter em um fator de contenção da China, pois ocorrem em uma zona de rotas marítimas que Pequim considera uma das plataformas para implementar suas iniciativas econômicas.

    O porta-aviões USS Nimitz transita pelo estreito de Balabac em 15 de julho de 2020
    O porta-aviões USS Nimitz transita pelo estreito de Balabac em 15 de julho de 2020

    Além disso, indica, a China não somente aumentou sua atividade comercial nessa área, mas também a presença de sua Marinha, incluindo submarinos.

    Mais:

    Autoridade dos Marines dos EUA diz que presença deve ser reforçada no Pacífico
    Alerta aos EUA? China revela pela 1ª vez detalhes do teste do míssil 'assassino de porta-aviões'
    'Ameaça inacreditável': secretário da Marinha dos EUA diz que China ameaça modo de vida americano
    Tags:
    Japão, Índia, Austrália, Oceano Índico, China, porta-aviões, Marinha dos EUA, manobras navais
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar