16:52 26 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    382
    Nos siga no

    Um piloto da Força Aérea israelense foi punido depois de surpreender os moradores da região norte de Israel ao usar seu caça F-35 para causar estrondos sônicos.

    O incidente teria ocorrido durante a noite de terça-feira (14) com altos estrondos sônicos causados pela rápida aceleração da aeronave até a velocidade do som, levando alguns moradores a acreditar que o país estivesse sendo atacado ou que houvesse alguma situação de emergência, segundo o The Times of Israel.

    Alguns moradores supostamente foram às redes sociais para saber o que tinha acontecido, com as Forças de Defesa de Israel agindo para tranquilizar a população, explicando que o ruído havia sido causado por um "piloto que havia excedido os limites de velocidade durante um voo de treinamento de caças". O piloto foi proibido de voar.

    Caça F-35 da Força Aérea israelense durante apresentação na cidade de Beersheba, Israel, 29 de dezembro de 2016
    © AP Photo / Ariel Schalit
    Caça F-35 da Força Aérea israelense durante apresentação na cidade de Beersheba, Israel, 29 de dezembro de 2016

    Localizados a aproximadamente 75 quilômetros das Colinas de Golã na Síria, ocupadas por Israel, e a apenas 30 quilômetros ao sul da fronteira com o Líbano, os moradores de Haifa enfrentaram grandes preocupações de segurança nos últimos anos, em meio aos conflitos de Tel Aviv com Damasco e com os militantes do Hezbollah.

    O F-35 é considerado o caça mais avançado de Israel, com recursos furtivos e poderosos computadores de bordo que o conectam a outras aeronaves em voo.

    Israel foi um dos primeiros países a comprar o caça norte-americano de quinta geração F-35, recebendo suas primeiras nove unidades em 2017.

    Mais:

    EUA e Israel realizam manobras aéreas com caças F-35 em meio à COVID-19 (FOTOS)
    'Cabo de guerra': Pentágono e Lockheed Martin reclamam acesso a sistema do caça F-35
    Japão estaria planejando exportar caça de 6ª geração
    Tags:
    Israel, Força Aérea, avião de assalto, avião de combate, avião de ataque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar