01:58 06 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 251
    Nos siga no

    Fotos compartilhadas nas redes sociais mostram arma chinesa QSB-91, uma arma branca e arma de fogo ao mesmo tempo.

    Na década de 1990, Pequim desenvolveu a QSB-91, e desde então ela é utilizada pelas unidades especiais do Exército de Libertação Popular da China.

    A ideia de integrar uma arma de fogo com uma faca não é nova, já que algo similar foi visto no século XX, quando a União Soviética desenvolveu a faca NRS-2. Porém, a arma chinesa possui a capacidade de abrigar quatro cartuchos em seu punhal, diferente da soviética, que possui apenas um canhão.

    ​Faca de sobrevivência de quatro disparos dos oficiais da inteligência chinesa, QSB-91.

    Cada um dos canhões da QSB-91 é de 7,62 milímetros, dispostos em pares de cada lado da lâmina da faca. Uma vez disparado o tiro, os cartuchos partem na direção da lâmina e possuem um alcance de 10 metros.

    Os canhões são recarregados separadamente da câmara, eliminando as respectivas tampas do tambor. O gatilho está localizado entre o punhal e a lâmina, de forma a cumprir a dupla função de mira, na qualidade de pistola, e de rifle handguard, na qualidade de faca de sobrevivência.

    Mais:

    China exibe novíssimos míssil nuclear e drone supersônico durante desfile militar (VÍDEOS)
    Por que Pentágono teme novo míssil 'assassino' de bombardeiro chinês?
    China teria testado míssil intercontinental capaz de atingir os EUA com ogiva nuclear
    Tags:
    exército, faca, projéteis, munições, armas, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar