12:09 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    5270
    Nos siga no

    Dois bombardeiros russos de longo alcance Tu-22M3 realizaram voos sobre o mar Negro, cobrindo uma distância de quase 4.500 quilômetros, segundo o Ministério da Defesa da Rússia.

    "Dois bombardeiros de longo alcance Tu-22M3 concluíram voos planejados sobre as águas neutras no mar Negro. Durante os voos, as tripulações cobriram aproximadamente 4.500 quilômetros e voaram por mais de cinco horas", cita o comunicado.

    Os dois bombardeiros russos estavam acompanhados por caças do Distrito Militar do Sul, adicionou o Ministério da Defesa da Rússia.

    A aeronave foi introduzida pela primeira vez pela Força Aérea da União Soviética no início dos anos 70, como um bombardeiro estratégico e marítimo. O Tu-22M3, juntamente com o Tu-95 e Tu-160, faz parte da espinha dorsal do poder estratégico russo.

    Bombardeiro supersônico Tu-22M3 (foto de arquivo)
    © Sputnik / Aleksandr Tarasenkov
    Bombardeiro supersônico Tu-22M3 (foto de arquivo)

    Todas as aeronaves se mostraram preparadas e adequadas para as modernizações, com a Força Aeroespacial russa testando o míssil hipersônico Kinzhal a bordo do Tu-22M3.

    Mais:

    Bombardeiros levantam voo em VÍDEO de celebração dos 105 anos da Aviação Estratégica russa
    Rússia terá bombardeiro estratégico não tripulado até 2040
    Começa montagem do bombardeiro russo futurista PAK DA
    Tags:
    Rússia, Mar Negro, Bombardeiro, avião de assalto, avião de combate, avião de ataque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar