12:20 06 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    12581
    Nos siga no

    O destróier chinês de quarta geração, Nanchang, o primeiro navio da classe 055, superou expectativas e mostrou ser maior do que se esperava.

    Isso porque a embarcação desloca 12.000 toneladas, duas mil toneladas a mais do que o esperado.

    "Isso desmente alguns especialistas que estimaram o deslocamento da classe 055 em pouco mais de 10.000 toneladas, e indica que as embarcações deste tipo poderiam ser ainda mais poderosas", citou um especialista militar em condição de anonimato ao jornal Global Times.

    O especialista também afirmou que as 12.000 toneladas possivelmente indicam o deslocamento padrão, enquanto que o deslocamento total poderia atingir 13.000 toneladas.

    O navio, equipado com novos sistemas de defesa antiaérea, antimísseis e antissubmarino, foi lançado à água em junho de 2017 e se estreou em um desfile naval em abril de 2019.

    Em 12 de janeiro de 2020 a embarcação foi incorporada à Marinha em uma cerimônia solene que ocorreu no porto de Qingdao.

    O destróier da classe 055 deverá ser o navio de escolta principal dos porta-aviões chineses. Ele possui um sistema de lançamento vertical (VLS) com 12 células para disparar mísseis terra-ar, antinavio, antissubmarino e de ataque terrestre.

    Mais:

    Marinha dos EUA teria avistado 2 navios chineses durante manobras no mar do Sul da China
    Marinha americana: EUA 'desafiam' Pequim com entrada de destróier nas águas disputadas pela China
    Pequim acusa Marinha dos EUA de provocação no mar do Sul da China em meio à guerra comercial
    Tags:
    embarcação, destróier, navio, China, Marinha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar