19:15 05 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    11210
    Nos siga no

    O Irã vai receber em serviço tanques russos que atendem aos requisitos das guerras do futuro, informa o canal de televisão iraniano Al Alam.

    O sistema de controle do novo tanque permite coordenar as ações no campo de batalha com grupos de reconhecimento, veículos aéreos não tripulados, aviões do tipo AWACS (Sistema Aéreo de Alerta e Controle) e até mesmo com satélites.

    Todas as informações recebidas são exibidas na tela do computador do comandante, ajudando a tomar as decisões mais acertadas em condições extremas. O T-90M também tem o sistema de proteção dinâmica Relikt que permite destruir mísseis antitanque e projéteis subcalibre. A blindagem frontal pode suportar o impacto de praticamente qualquer munição moderna.

    A visibilidade ao radar do novo tanque é várias vezes menor que a do modelo de base T-90. Isto é, ele é quase impossível de detectar no campo de batalha. A Rússia já mostrou esse tanque para o mundo, mas ainda não tinha revelado todos os seus segredos, mas recentemente o governo da Rússia permitiu a exportação desses equipamentos.

    O tanque básico T-90 foi desenvolvido no início dos anos 1990. Entre 2001 e 2010 o T-90 se tornou o tanque de batalha principal mais vendido no mercado mundial. Nos últimos 20 anos, a Rússia exportou mais de 1,5 mil unidades desse veículo de combate.

    Mais:

    National Interest avalia 'mortífero' tanque russo Т-90S
    VÍDEO dos testes do novíssimo tanque russo T-90MS surge na web
    NI avalia superioridade do tanque russo T-14 Armata sobre blindados da OTAN
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar