04:30 21 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Caça chinês J-10

    EUA deveriam se preocupar com caças convencionais da China, alerta mídia

    CC BY 2.0 / mxiong / J-10
    Defesa
    URL curta
    6211

    Enquanto todos estão com a atenção voltada para outros equipamentos militares, como caças, navios e sistemas de defesa, a China segue melhorando e produzindo mais cópias do seu caça menos sofisticado, o J-10.

    Atualmente, a China conta tanto com o J-10 quanto com o J-20, inclusive o caça J-20 atrai a atenção já que se trata de um caça de quinta geração e um dos mais avançados da atualidade, entretanto, os chineses continuam melhorando o seu caça de quarta geração, J-10, podendo ser utilizado no desenvolvimento de outros modelos de caças.

    Em uma exibição aérea que ocorreu recentemente na China, os chineses exibiram o J-10B equipado com um empuxo vetorial e demonstrando ser uma aeronave de supermanobrabilidade. Sendo assim, os chineses mostram que estão procurando utilizar o potencial da aeronave, melhorando suas capacidades e produzindo novas unidades.

    A China estaria formando uma Força Aérea com uma frota de dois tipos de caças, os furtivos J-20 e os convencionais J-10. Apesar de ser convencional, a aeronave apresenta características de qualidade. O J-10 é um caça multifuncional desenvolvido pelo Instituto de Design de Aeronaves Chengdu e construído pela Corporação Industrial de Aeronaves Chengdu. Ao contrário do J-20, o J-10 é uma aeronave pequena, leve e simples.

    Com relação ao desempenho, a aeronave se assemelha ao caça americano F-16. Entretanto, o caça chinês é capaz de transportar bombas guiadas a laser, mísseis de ataque terrestre e antinavio, mísseis antirradiação, além de possuir um sistema de controle de voo digital fly-by-wire, HUD de grande ângulo, MFD colorido, dois MFD monocromáticos, provisão para mira no capacete e radar de varredura eletrônica ativa AESA que pode rastrear 10 alvos simultaneamente.

    Mesmo com todas essas qualidades, os chineses continuam investindo em melhorias para o avançado caça de quarta geração, como foi classificado pelo Pentágono, segundo a revista The National Interest.

    A última modernização do caça chinês foi a J-10C que iniciou sua operação de combate em abril. A modernização do caça incluiu um avançado sistema aviônico e diversas armas ar-ar, permitindo que o caça dispute um combate aéreo de médio alcance, além de realizar ataques com precisão a alvos terrestres e marítimos.

    Concluindo, a China está melhorando rapidamente sua Força Aérea, que apesar de ser pequena e não tão moderna, está gradualmente construindo um sistema de combate adaptado à necessidade de guerra informatizada, composta de caças de superioridade aérea, caças multifuncionais, furtivos e bombardeiros de médio e longo alcance.

    Mais:

    Revelado mistério do caça chinês J-20 visto em base aérea dos EUA
    Caça chinês estaria recebendo seus últimos ajustes para alcançar seu 'potencial máximo'
    Caça chinês impressionou ao surgir armado até aos dentes durante show aéreo (FOTO, VÍDEO)
    Tags:
    aviação militar, avião de combate, avião de ataque, avião de assalto, J-10c, Chengdu J-10, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar