13:08 14 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Lançador múltiplo de foguetes BM-21 Grad

    Exército chinês mostra em ação 'versão em tanque' do lançador russo Grad (FOTOS)

    © Sputnik / Vitaly Ankov
    Defesa
    URL curta
    3111

    O exército chinês continua sua intensa exploração da versão sobre lagartas do lançador múltiplo de foguetes Grad. O Ministério da Defesa do país asiático publicou várias fotos tiradas em um polígono durante manobras, demonstrando em ação a arma que adquiriu a sigla de PHZ-89.

    O veículo de combate de 30 toneladas foi desenvolvido na base no chassis polivalente Type 321. Seus elementos foram utilizados na criação dos principais tanques de combate chineses, inclusive do Type 96A.

    ​A versão chinesa do lançador é equipada com um "clone" do motor a diesel soviético B-54. Graças a ele, o veículo é capaz de acelerar até 55 km/h, com autonomia para 450 km.

    Além da "base de tanque", o lançador possui 40 munições reativas adicionais, o que permite reduzir o tempo para recarregá-lo em duas vezes, reduzindo-o para três minutos.

    O alcance do disparo com munições aperfeiçoadas de calibre 122 atinge 30 km. Além disso, para se proteger contra alvos aéreos, o sistema chinês possui uma metralhadora Type 54. A tripulação é constituída por cinco homens.

    Mais:

    Pequim 'está testando silenciosamente armas de guerra eletrônica' no mar do Sul da China
    Pentágono se preocupa com avanço da Rússia e da China na criação de armas hipersônicas
    Analistas americanos comparam potencial de armas hipersônicas da Rússia, China e EUA
    Tags:
    exército, BM-21 Grad-M, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik