16:26 12 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Explosão nuclear (imagem referencial)

    Rússia mostra seus 'guardiões do silêncio nuclear' (VÍDEO)

    CC BY 2.0 / Maxwell Hamilton / Nuclear Explosion Fantasy
    Defesa
    URL curta
    3270

    O Ministério da Defesa russo publicou pela primeira vez nas redes sociais um vídeo sobre o trabalho do Serviço do Controle Especial, responsável pelo controle dos testes de armas nucleares em todo o mundo, e que celebrará em breve seu 60º aniversário.

    Entre as tarefas principais do serviço está o controle da situação sísmica e da radiação na Terra.

    Os funcionários do serviço, chamados no vídeo de "guardiões do silêncio nuclear", utilizam métodos radiotécnicos, sísmicos, infrassônicos, magnetométricos e de radionuclídeos para controlar o que acontece em nosso planeta.

    Para cumprir seus objetivos, em conformidade com os tratados internacionais firmados pela Rússia, os militares do Ministério da Defesa colaboram tanto com o Ministério para Situações de Emergência, como com cientistas do Centro Hidrometeorológico da Rússia e o Serviço Geofísico da Academia de Ciências da Rússia.  

     

    O Serviço do Controle Especial dispõe de uma rede de laboratórios, radares e centros educativos.

    "Os resultados do controle, ou seja, os dados sobre fatos e características de explosões nucleares e terremotos, contaminação nuclear do ambiente são entregues pelo Serviço de Controle Especial ao Centro Nacional de Controle da Defesa russo, e a outros órgãos militares e estatais", comentou o próprio ministério. 

    Em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik o especialista militar Igor Shatrov frisou que o vídeo divulgado pelo Ministério da Defesa russo pode ser considerado como um sinal.

    "A Rússia, fazendo parte do sistema internacional de segurança como membro permanente do Conselho de Segurança da ONU, cumprindo suas obrigações, também efetua controle em nome da sociedade internacional. Pela primeira vez o Ministério da Defesa desvendou a existência do serviço, mostrando como ele trabalha na realidade. Tal abertura do ministério pode ser um sinal de que a Rússia está pronta para fornecer suas provas caso seja necessário, bem como operar no âmbito dos tratados internacionais", afirmou.

    "Isso demonstra as capacidades da Rússia, que o país cumpre suas obrigações internacionais. É um sinal de que qualquer afirmação por parte da Rússia denunciando ou expressando preocupações em relação a determinados compromissos será baseada em argumentos e provas", ressaltou Igor Shatrov. 

    Mais:

    Análise: Rússia é líder absoluto no desenvolvimento de armas hipersônicas de alta precisão
    Previsão de Washington se concretiza com 'boom' na indústria de drones russa
    Tags:
    nuclear, radiação, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik