23:12 05 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    7410
    Nos siga no

    A Croácia deve aceitar a proposta de Israel para renovar sua frota de caças de combate, sinalizou o Conselho de Defesa da ex-república iugoslava nesta terça-feira (27).

    Os croatas pediram propostas de aeronaves militares para cinco países: Suécia, Israel, Estados Unidos, Grécia e Coréia do Sul.

    A oferta israelense é de cerca de US$ 500 milhões por um esquadrão usado de 12 caças F-16.

    "O Conselho de Defesa aceitou que Israel fez a melhor oferta e, consequentemente, fez uma recomendação ao governo", disse o órgão, composto por altos funcionários do governo e da Defesa, em comunicado.

    A empresa sueca Saab havia oferecido caças Gripen novos por cerca de US$ 992 milhões, afirma a imprensa local, mas a negociação não prosperou.

    Desde 2009, a Croácia faz parte de OTAN. O país também é membro desde 2013 da União Europeia. 

    Sua força aérea atualmente opera um esquadrão de 21 caças MiG-21 soviéticos.

    Mais:

    Eslovênia e Croácia enfrentam disputa territorial
    Polícia croata liberta 59 chineses de regime de escravidão
    Hungria critica 'cota de refugiados' da UE e diz que cada migrante custa R$115 mil ao país
    EUA aprovam venda de 210 mísseis Javelin para Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar