02:22 20 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Submarino nuclear russo de classe Borei (foto de arquivo)

    Qual será missão de novos submarinos nucleares russos?

    © Sputnik / Sevmash
    Defesa
    URL curta
    4130

    A Marinha adotará em serviço novos submarinos nucleares da classe Borei para proteger as fronteiras marítimas orientais do país, afirmou o comandante da unidade de submarinos da Frota do Pacífico, Vladimir Dmitriev.

    "De acordo com os planos, prevê-se a entrega de vários submarinos para reforçar a capacidade de defesa no flanco estratégico oriental", assinalou Dmitriev em uma entrevista ao jornal russo Krasnaya Zvezda, comentando a adoção em serviço de três submarinos nucleares de quarta geração Borei.

    Dmitriev destacou que, no momento, a Marinha russa conta com três submarinos desta classe que podem transportar 16 mísseis balísticos intercontinentais.

    O terceiro, batizado Vladimir Monomakh, foi incorporado à frota em setembro de 2016.

    O comandante afirmou que a adoção destes submarinos melhorará o equilíbrio das forças do Pacífico russas.

    "Além de seu arsenal balístico [mísseis balísticos], estes submarinos contam com possibilidades únicas para se oporem às forças inimigas no mar", ressaltou.

    No total, a Rússia planeja construir oito submarinos da classe Borei até 2020.

    Com um comprimento de 170 metros e descolamento de 24 mil toneladas, estes navios são capazes de transportar até 16 mísseis balísticos intercontinentais Bulava, cujo alcance atinge 8 mil quilômetros.

    Mais:

    Principal força de ataque: Marinha russa aposta em frota de submarinos nucleares
    Submarinos russos foram à costa dos EUA sem serem detectados, diz militar russo
    2 submarinos estadunidenses emergem do gelo no Ártico (FOTOS)
    Tags:
    submarino nuclear, Borei, Marinha da Rússia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik