03:02 17 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Complexo de sistema S-400 (foto de arquivo)

    Céus protegidos: Frota do Báltico receberá novo complexo de defesa antimíssil S-400

    © Sputnik / Sergei Malgavko
    Defesa
    URL curta
    3210

    A Frota do Báltico da Marinha russa está se preparando para aumentar suas capacidades de defesa antiaérea, sendo que já em 2018 receberá mais um complexo de defesa antimíssil S-400 Triumph.

    Segundo revela o chefe do serviço de imprensa da Região Militar Ocidental para a Frota do Báltico, capitão de mar e guerra Roman Martov, "a modernização do material militar da Frota do Báltico prosseguirá", acrescentando que, em particular, a Frota receberá um "novo navio ligeiro de mísseis do novo projeto" e "mais um complexo de defesa antimíssil S-400".

    Ao mesmo tempo, ele destacou que em 2018 as forças e tropas da Frota do Báltico participarão de dezenas de treinamentos militares, inclusivamente das competições militares internacionais Desembarque Naval 2018.

    "As tripulações dos navios da Frota deverão efetuar travessias entre as várias frotas [da Rússia] e missões de longo curso ao oceano Atlântico, Ártico, leste do Mediterrâneo, oceanos Índicos e Pacífico", comunicou.

    Além disso, Martov acrescentou que a Frota do Báltico também deverá receber novas unidades de aviação naval. Em particular, trata-se dos novos e modernizados aviões Su-30SM e helicópteros Ka-27.

    Mais:

    Marinha da Rússia testará capacidades do seu novo submarino estratégico Knyaz Vladimir
    Marinha da Rússia 'recupera sua presença' em todos os oceanos
    Marinha da Rússia realiza exercícios no Pacífico em meio às tensões na Coreia (VÍDEO)
    Tudo o que resta à Ucrânia é ameaçar a Marinha da Rússia com lanchas
    Marinha da Rússia em ação: navios inimigos são incinerados (VÍDEO)
    Tags:
    defesa antiaérea, treinamento militar, Defesa antimíssil (DAM), marcha, S-400 Triumph, Marinha da Rússia, Frota do Báltico, Roman Martov, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik