02:12 23 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Exercícios dos estudantes da Escola Suprema Militar de Comando do Extremo Oriente

    Morte branca: camuflagem genial dos batedores e tanquistas russos (VÍDEO)

    © Sputnik / Igor Ageenko
    Defesa
    URL curta
    4142
    Nos siga no

    Nesta semana, batedores militares de reconhecimento da base militar russa de Gyumri deram início aos exercícios de inverno.

    Os treinos pouco diferem do reide real contra a retaguarda do inimigo: assim como na guerra, os soldados não devem ser notados, movendo-se sem fazer barulho e usando efetivamente o terreno para ganhar vantagens.

    O mascaramento sempre foi um dos lados mais fortes do soldado russo. Durante décadas, os militares inventaram e aplicaram na prática muitas técnicas engenhosas que permitem enganar o adversário e surpreendê-lo.

    Técnica combinada

    Uma das instruções mais abrangentes dos soldados continua sendo o Manual de 1985, publicado pela editora militar do Ministério da Defesa russo, Voenizdat. Segundo estas instruções, inverno é o período do ano mais difícil para mascaramento de tropas.

    O fundo da neve, por causa da homogeneidade da superfície, dificulta o mascaramento, pois na neve são bem visíveis os vestígios da atividade das tropas e objetos militares, em especial se monitorados do ar. Ao mesmo tempo, a neve é um material em livre acesso, e as nevadas ajudam a esconder objetos e vestígios.

    No inverno, o atributo de mascaramento principal é um roupão especial coberto de tinta de proteção branca. Em um campo cheio de neve, o soldado será invisível ao inimigo caso não haja plantas ou buracos. Se a neve estiver um pouco derretida, o roupão é coberto por manchas escuras. Muitos dos roupões são produzidos em dupla face para dar a chance de o militar trocá-lo pelo avesso.

    Faixas e 'trombas'

    Para disfarçar o rosto, oficiais de inteligência vestem máscaras de tecido com pequenas aberturas nas regiões dos olhos, nariz e boca. As máscaras podem vir com uma tromba para que o ar condensado não seja liberado e percebido pelo inimigo. Além disso, a tromba ajuda a conservar o calor.

    Quanto às armas, elas podem ser facilmente disfarçadas com faixas brancas do kit de primeiros socorros individual.

    Os batedores prestam atenção especial à neutralização do barulho. Por exemplo, durante a Grande Guerra pela Pátria, soldados antes de pisar na neve jogavam casacos de pele pelo solo para abafar barulho das pegadas sem deixar vestígio algum.

    Rede e jornais

    A coisa mais difícil é saber esconder os equipamentos militares por causa dos seus tamanhos e formas geométricas. O manual estipula ser completamente proibido posicionar equipamentos e armas militares sem camuflagem de inverno. Eles devem ser enterrados em buracos de terra para contrastar com a neve.

    A coisa mais difícil é esconder equipamento no período entre as estações de ano quando a cor branca não é predominante. Neste caso, todos os equipamentos são pintados em três cores. Com a chegada da neve, são repintados de branco.

    Para lidar com formas geométricas diferentes, as partes sobressalientes normalmente são mais escuras, e as encurvadas são mais claras.

    Se for necessário usar em combate as reservas blindadas que não foram disfarçadas por falta de tempo, os soldados dão um jeito de camuflá-las. Por exemplo, usam uma rede branca. Ela esconde as formas dos equipamentos militares.

    Por exemplo, em fevereiro de 2017, tanquistas bielorrussos acordados por sinal de emergência, literalmente, em meia-hora conseguiram "pintar" seus veículos militares na cor do inverno. Eles encontraram em algum lugar jornais velhos, molharam as folhas e cobriram o equipamento. O frio somente ajudou a fixar as folhas ao ferro dos equipamentos. Assim, mais uma vez os tanquistas provaram que a sagacidade dos soldados não tem limites.

    Mais:

    'É melhor cooperar do que lutar contra a Rússia', diz presidente da Lituânia
    Não só tanques e aviões: 7 armamentos modernos que Moscou fez brilhar na Síria
    Às vésperas do Ano Novo, Putin dá sua avaliação ao preparo estratégico do exército russo
    Tags:
    exercícios, tanque, soldado, camuflagem, russo, exército
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar