21:02 21 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Tanque russo de terceira geração T-14 Armata

    Armata russo será capaz de funcionar nos frios extremos

    © Sputnik/ Vladimir Astapkovich
    Defesa
    URL curta
    121175120

    Os veículos de combate de produção russa serão equipados com geradores elétricos móveis.

    A elaboração garante a ignição suave e momentânea do motor com temperaturas negativas de até —50 graus, bem como o funcionamento dos mecanismos de controle da torre e a estabilização dos sistemas de combate.

    Como informa jornal russo Izvestia, tal será possível graças a super-condensadores que são aparelhos capazes de acumular grande volume de energia mesmo com o acumulador descarregado. Estes super-condensadores poderão abastecer por algum tempo os sistemas de bordo até que o motor principal comece a funcionar.

    O T-14 Armata é um tanque de terceira geração desenvolvido pela Rússia. A plataforma universal Armata permite produzir, além de tanques, veículos pesados blindados de combate de infantaria e de transporte, veículos de apoio, de comando e de reconhecimento. A produção em série do novo veículo de combate poderá começar depois de 2019, declarou o vice-primeiro-ministro russo, Dmitry Rogozin. O Armata dispõe de um canhão de alma lisa de 125 mm 2A82 e uma torre não tripulada de controle remoto.

    Mais:

    Novo tanque francês Leclerc poderá concorrer com Armata russo? (FOTO, VÍDEO)
    Armata treina disparos (VÍDEO)
    T-14: um tanque russo que não tem iguais
    Tags:
    tanque, Armata, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik