19:51 15 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Alexander Grushko, representante da Rússia na OTAN

    Representante da Rússia na OTAN: Moscou deve investir mais na área militar

    © Sputnik / Alexander Vilf
    Defesa
    URL curta
    7172
    Nos siga no

    A Rússia, na ausência de ameaça de uma guerra real, deve aumentar suas despesas militares, pois os países da OTAN estão aumentando seu orçamento militar, destacou o representante da Rússia na OTAN, Aleksandr Grushko.

    "Não devemos esquecer que 250 bilhões de dólares, que são gastos por países europeus com sua própria defesa, trata-se de uma soma gigantesca e muito maior do que os gastos da Rússia e da China juntos. Se os países da UE e Canadá cumprirem as 'normas de Varsóvia', significará um aumento do orçamento militar em mais de 100 bilhões", frisou Grushko na Conferência de Segurança Internacional em Moscou.

    De acordo com suas palavras, 20% deste orçamento devem ser gastos na compra de munição.

    "São somas colossais. Isso significará que a Rússia na realidade seguirá o caminho da militarização. Quando não há ameaça de guerra alguma, o dinheiro deve ser investido não no rechaço da 'legendária' ameaça russa, mas na resistência da ameaça do sul e, em primeiro lugar, na luta contra o terrorismo", declarou ele.

    Mais:

    Grushko: ajuda da OTAN à Ucrânia favorece 'partido da guerra' em Kiev
    'Aumento do orçamento militar da OTAN levará à Guerra Fria', diz Grushko
    Tags:
    militarização, despesas, ameaça, OTAN, Aleksandr Grushko, Rússia, EUA, UE
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar