18:26 23 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    1433
    Nos siga no

    Mais de 100 navios de guerra, submarinos nucleares e a diesel, bem como navios de apoio, saíram para o mar de Barents e mar Branco no âmbito de manobras de Comando e Estado-Maior da Frota do Norte, informou o serviço de imprensa da Frota do Norte.

    "As unidades de forças terrestres e costeiras foram colocadas em estado de alerta. Uma brigada de infantaria de marinha e uma brigada de infantaria mecanizada independente realizaram a marcha para a área de concentração. A inspeção envolveu mais de 1.000 unidades de equipamentos militares", disse o porta-voz da Frota do Norte Andrei Luzik.

    Ele acrescentou que mais de trinta aeronaves de diferentes tipos realizaram missões aéreas, além de vários batalhões de defesa antiaérea terem sido recolocados em áreas especificadas para proteger as forças navais de ataques aéreos do inimigo convencional.

    De acordo com Luzik, os exercícios foram realizados ao longo de vinte e quatro horas e ao fim do dia a maioria dos navios, submarinos e navios de apoio, bem como as unidades das forças terrestres e costeiras e as divisões de defesa antiaérea, voltaram aos seus locais de estacionamento permanente.

    Mais:

    Novos navios de guerra russos serão apresentados este mês
    Submarinos não tripulados entram ao serviço da Marinha russa
    Porta-aviões russo Admiral Kuznetsov se prepara para zarpar
    Tags:
    exercícios navais, Marinha da Rússia, Frota do Norte, Mar Branco, Mar de Barents
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar