19:17 09 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Um artilheiro a bordo do navio americano New Orleans no Estreito de Hormuz

    Navios de guerra iranianos assustam marinheiros americanos

    © REUTERS / Phil Stewart
    Defesa
    URL curta
    0 283

    Cinco navios da Guarda Revolucionária do Irã navegaram perigosamente perto de um navio de guerra dos EUA no Estreito de Hormuz, informa a agência Fox News, citando o general Joseph Votel, que se encontrava a bordo do navio dos Estados Unidos no momento do incidente.

    "O New Orleans, navio estadunidense, navegava nas águas internacionais do estreito. O incidente causou preocupação porque aquela manobra perigosa poderia ter sido fatal para o meu navio, que transportava cerca de 700 marinheiros", disse Votel.

    Os cinco navios iranianos incluíam quatro barcos de patrulha pequenos e um navio maior de ataque rápido, chamado de Houdong. Pelo menos um dos barcos de patrulha estava equipado com uma metralhadora de calibre 50. Eles se aproximaram a uma distância de apenas algumas centenas de metros do navio americano.

    Ao mesmo tempo, os militares dos EUA reconheceram que o incidente não pode ser considerado como grave, porque que tais encontros são muito comuns. De acordo com o general, só em 2015 aconteceram pelo menos 300 situações semelhantes envolvendo navios iranianos.


    Mais:

    Navio turco chega a Israel com ajuda humanitária para Faixa de Gaza
    Construção completa de um navio de cruzeiro diante dos seus olhos
    EUA anunciam novo incidente de Yaroslav Mudry com navio americano
    Tags:
    manobras navais, incidente, barco patrulha, navio, Guarda Revolucionária Iraniana, Joseph Votel, Estreito de Hormuz, Irã, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik