11:05 21 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Artistas de rua apresentam espetáculo de fogo em São Petersburgo, Rússia, com o monumento da era soviética de um MIG-19 no fundo.

    Mídia dos EUA admite novo poderio militar da Rússia

    © AP Photo/ Dmitry Lovetsky
    Defesa
    URL curta
    5180211258

    A mídia norte-americana admitiu o poderio da Rússia na indústria militar e criou uma lista de super-armas modernas desenvolvidas por Moscou e que vieram substituir as da era soviética.

    Segundo o jornal norte-americano The National Interest, mesmo as sanções econômicas e os baixos preços do petróleo não impediram que nos últimos anos a Rússia realizasse um programa de modernização do seu exército.

    A publicação admite que a Rússia continua produzindo veículos blindados, aviões, submarinos e sistemas de guerra eletrônicos de alta qualidade para os quais a “OTAN certamente deve prestar atenção nos meses e anos mais próximos”. Confira a lista das cinco novas armas mais criadas pela Rússia.

    Caça T-50 (PAK FA)

    Sukhoi PAK FA, conhecido também como T-50
    © AP Photo/ Misha Japaridze
    Sukhoi PAK FA, conhecido também como T-50

    O caça de quinta geração Sukhoi T-50 foi classificado pelo jornal como o “projeto mais notável no âmbito da modernização da defesa”.

    O caça foi criado para voar a grandes altitudes e adquirir velocidades supersónicas. Pode ser considerado o análogo do norte-americano Lockheed Martin F-22 Raptor, mas é muito mais ágil do que o caça dos EUA.

    Bombardeiro PAK DA

    O bombardeiro “invisível” de quinta geração e longo alcance, apelidado de PAK DA, foi criado pelo bureau Tupolev recentemente, por isso ainda pouco se sabe das suas caraterísticas. Mesmo assim, o jornal The National Interest sugere que voará a velocidades supersônicas.

    Programa Armata

    Ensaio da Parada da Vitória em Moscou
    © Sputnik/ Vladimir Astapkovitch
    Ensaio da Parada da Vitória em Moscou
    O complexo de veículos blindados Armata foi também destacado pela publicação:

    “Em vez de criar um veículo especial para um alvo concreto, a Rússia trabalha com um único chassi, que pode ser adaptado para qualquer objetivo”, escreveu.

    Lembramos que o tanque Armata possui de novo lagartas, o que aumenta a sua mobilidade e também aumenta a vida útil do equipamento.

    Sistemas de combate radioeletrônico

    De acordo com a publicação, os sistemas de combate radioeletrônico representam uma concorrência séria aos produtos análogos norte-americanos e outros países da OTAN e até os superam. Em particular, a publicação destacou o sistema de guerra eletrônica Krasukha-4, criada para servir como ecrã e proteger tropas, postos de comando e sistemas de defesa antiaérea. 

    Outro sistema destacado foi o Khibiny, o novo sistema aéreo russo de contramedidas eletrônicas.

    Submarinos nucleares

    A publicação começou a descrição deste ponto da lista com a frase simples:

    “A Rússia sempre desenvolveu submarinos excelentes.”

    Os submarinos modernos da Rússia são modificações dos era soviética e Moscou sabe disso muito bem, trabalhando na criação de submarinos completamente novos.

    Tags:
    armamentos, exército, modernização, mídia, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik