22:57 18 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Ministro da Defesa, Jaques Wagner e o governador Luiz Fernando Pezão participam da abertura da LAAD Defence & Security

    Feira LAAD Defence & Security é aberta no Rio de Janeiro

    LUIZ SOUZA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
    Defesa
    URL curta
    0 1187142

    Com a presença do ministro brasileiro da Defesa, Jaques Wagner, foi aberta oficialmente, no Rio de Janeiro, a décima edição da feira LAAD Defence & Security, maior evento do setor militar em toda a América Latina.

    A LAAD 2015, que está sendo realizada no Riocentro, na Zona Oeste da cidade, começou nesta terça-feira e vai até a próxima sexta, 17 de abril.

    Cerca de 40 mil pessoas deverão passar pelos cinco pavilhões do centro de exposições, onde aproximadamente 700 expositores mostram o que há de mais moderno em tecnologia de defesa. Cerca de 150 delegações de 71 países – números recordes na história da LAAD – estão participando do evento.

    Ao lado do ministro Jaques Wagner na mesa de abertura estavam presentes o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão; o chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, general José Carlos De Nardi; o comandante da Marinha, almirante Eduardo Barcellar Leal Ferreira; o comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas; o comandante da Aeronáutica, brigadeiro Nivaldo Rossato; a secretária-geral do Ministério da Defesa, Eva Chiavon; o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Defesa e Segurança (Abimde), Sami Hassuani; e o diretor-geral da Clarion, empresa organizadora da LAAD 2015, Sérgio Jardim.

    Mais:

    Rússia e Brasil continuam negociando a venda de sistemas de defesa Pantsir-S1
    Putin a Netanyahu: mísseis S-300 do Irã não constituem ameaça
    EUA: momento errado para a Rússia vender sistemas S-300 ao Irã
    Irã se empolga com a suspensão do embargo russo à venda de sistemas antiaéreos S-300
    Tags:
    feira, Defesa, Riocentro, LAAD 2015, Rio de Janeiro, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik