14:40 31 Julho 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 110
    Nos siga no

    Um raro tesouro contendo mais de 300 moedas da Idade do Ferro, datadas do século I a.C., foi descoberto em Londres depois de uma tempestade revelar o esconderijo.

    Os arqueólogos estavam trabalhando em uma escavação quando descobriram o tesouro de moedas, conhecidas como potins, em referência à liga de metal de base similar à prata usada nas moedas, sendo tipicamente uma mistura de cobre, estanho e chumbo.

    "Estávamos terminando nosso trabalho arqueológico no sítio quando encontramos um pedaço de solo que tinha uma cor muito diferente do esperado", afirmou Emma Tetlow, líder dos trabalhos no local.

    De acordo com Emma Tetlow, o pedaço de solo encontrado tinha uma cor azul-esverdeado escuro, sugerindo metal oxidado.

    "Quando nos aproximamos para verificar, observamos discos de metal levemente compactados", explicou.

    ​Arqueólogos encontram raras moedas de 2.200 anos da Idade do Ferro em uma "descoberta única na vida". O tesouro de mais de 300 "potins" foi descoberto em Hillingdon, oeste de Londres, durante os trabalhos do projeto ferroviário da HS2.

    Conhecida como o "tesouro de Hillingdon", a descoberta remonta a um período de mudança, quando os romanos estavam se estabelecendo na Grã-Bretanha, segundo o tabloide Daily Mail. 

    "Isso nos leva de volta à época tumultuosa da conquista da Gália por Júlio César. Ao chegar à Grã-Bretanha em 55 e 54 a.C., ele observou os habitantes usando moedas de 'bronze' [...]", concluiu.

    Mais:

    Arqueólogos desvendam termas romanas excepcionalmente bem preservadas na Espanha (VÍDEO)
    Arqueólogos desenterram 250 túmulos do Egito Antigo escavados na montanha (FOTOS)
    Arqueólogos descobrem restos de 9 neandertais em caverna perto de Roma (FOTOS, VÍDEO)
    Tags:
    Reino Unido, arqueólogos, arqueólogo, arqueologia, tesouro, moedas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar