02:59 18 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 0 0
    Nos siga no

    A Organização Meteorológica Mundial (OMM) publicou um relatório que aponta que o ano de 2020 deve ser um dos três anos mais quentes desde o início dos registros de temperatura.

    O secretário-geral da OMM, Petteri Taalas, disse que "a temperatura global média em 2020 está cerca de 1,2° C acima do nível pré-industrial".

    Segundo o relatório Estado do Clima Global 2020, atualmente, cinco conjuntos de dados colocam 2020, caracterizado por ondas de calor, secas, incêndios florestais e furacões intensos, como o terceiro mais quente desde que os registros começaram, em 1850.

    A temperatura dos oceanos está em níveis recordes e mais de 80% da área oceânica global experimentaram uma onda de calor em algum momento deste ano, que repercutiu diretamente no ecossistema marinho.

    Para o órgão, a mudança climática continuou uma "marcha implacável" neste ano.

    "Infelizmente, 2020 foi mais um ano extraordinário para o nosso clima", afirmou Taalas.

    O documento destacou "temperaturas extremas na Terra, no mar e especialmente no Ártico. Incêndios florestais que consumiram vastas áreas na Austrália, Sibéria, costa oeste dos Estados Unidos e América do Sul, enviando nuvens de fumaça que deram a volta ao globo".

    As informações foram coletadas entre janeiro e outubro deste ano.

    Mais:

    Aquecimento global poderia provocar naufrágios tipo Titanic na Antártica
    Pinguins 'mumificados' são desenterrados na Antártica pelo aquecimento global (FOTO)
    Ônus moral e Conselho de Segurança: quais são as consequências da inadimplência do Brasil na ONU?
    Sudão vai receber cerca de 200 mil refugiados da Etiópia, diz programa da ONU
    ONU emite nota em solidariedade à família de homem negro assassinado em Porto Alegre
    ONU considera saída dos EUA do Tratado de Céus Abertos 'lamentável', diz porta-voz
    Tags:
    clima, Aquecimento global, temperatura do oceano, temperatura, ONU, Organização das Nações Unidas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar