15:08 27 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 140
    Nos siga no

    Ao menos 13 sarcófagos de madeira de 2.500 anos atrás foram encontrados em um esconderijo incomum na necrópole do deserto de Sacará, no Egito.

    Embora a descoberta de sarcófagos seja comum na região, o episódio chamou a atenção por estarem intactos depois de milênios e por estarem completamente selados, conforme o portal Science Alert.

    De acordo com o Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito, os sarcófagos foram encontrados empilhados em uma cova de 11 metros de profundidade.

    1 / 4
    Autoridades egípcias descobrem 13 sarcófagos de 2.500 anos completamente selados

    Os itens estavam bem preservados, inclusive contendo pinturas na madeira. Uma análise inicial apontou que os sarcófagos estavam selados desde que foram enterrados. Além disso, três nichos selados também foram encontrados, segundo Khaled al-Anani, ministro do Turismo e das Antiguidades.

    Espera-se que a descoberta ajude na compreensão dos antigos costumes funerários egípcios.

    Os nomes das pessoas enterradas nos sarcófagos ainda não foram descobertos, contudo, a equipe espera revelá-los em breve com a continuidade das escavações no local, bem como o número total de sarcófagos encontrados.

    Mais:

    Caverna pré-hispânica intacta com 72 múmias é descoberta nas ilhas Canárias (FOTOS)
    Múmia egípcia de 3.000 anos 'recupera' voz através de cordas vocais impressas em 3D (VÍDEO)
    Pesquisadores descobrem evidências de doença cardíaca em múmias
    Tags:
    deserto, sarcófago, descoberta, Egito, múmia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar