14:18 25 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    1255
    Nos siga no

    O Centro de Estudos de Objetos Próximos à Terra (CNEOS, na sigla em inglês) da NASA está observando de perto todos os asteroides que se aproximam da Terra a uma distância de 0,05 unidade astronômica.

    O asteroide Apollo 441987, também conhecido como 2010 NY65, segue avançando e deve se aproximar da Terra no dia 24 de junho, segundo rastreamento da NASA.

    O corpo celeste mede entre 140 e 310 metros, com base em como reflete as luzes. Além disso, estima-se que seja um objeto pequeno nos termos da NASA. Entretanto, ele se aproximará a uma velocidade de quase 13 quilômetros por segundo, chegando tão perto quanto 0,02512 unidade astronômica da Terra.

    Ilustração artística de asteroide se aproximando da Terra
    Ilustração artística de asteroide se aproximando da Terra

    Como citado anteriormente, o CNEOS da NASA é encarregado de observar todos os asteroides que se aproximam da Terra em 0,05 unidade astronômica, ou aproximadamente 7,5 milhões de quilômetros.

    O 2010 NY65, observado pela primeira vez em julho de 2010, passará pelo nosso planeta no início da manhã do dia 24 de junho, a uma distância de 3,7 milhões de quilômetros.

    Apesar de ser pequeno, o asteroide 2010 NY65 pode causar danos significativos ao nosso planeta devido aos efeitos secundários, como tsunamis, que podem ser criados mesmo estando distante.

    Mais:

    Por que NASA planeja usar nave espacial contra asteroide?
    Asteroide de cerca de 100 metros de diâmetro cruzará órbita da Terra nos próximos dias
    NASA e Força Espacial dos EUA arquitetam plano de 10 anos contra asteroide 'cavaleiro do Apocalipse'
    Tags:
    NASA, rocha, corpo celeste, planeta, Terra, asteroide
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar