09:31 25 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    220
    Nos siga no

    A NASA registou em pleno deserto esse incrível fenômeno astronômico conhecido como eclipse solar com "anel de fogo", ou eclipse anular.

    O evento ocorre quando Terra, Lua e Sol se alinham, mas a posição e a distância entre os astros criam um "anel de fogo".

    A agência espacial americana apresentou a fotografia, tirada pelo fotógrafo Maxime Daviron, como Foto Astronômica do Dia, escreve o tabloide britânico Mirror.

    Imagem da NASA mostra eclipse solar com anel de fogo sobre deserto
    © NASA . Maxime Daviron
    Imagem da NASA mostra eclipse solar com anel de fogo sobre deserto

    "Um eclipse com anel de fogo é um eclipse anular que ocorre quando a Lua está suficientemente distante na sua órbita elíptica à volta da Terra para parecer muito pequena, em forma de ângulo, para cobrir todo o Sol", explicou a NASA.

    "No máximo de um eclipse anular, as bordas do Sol podem ser vistas ao redor das bordas da Lua, de modo que a Lua parece ser uma mancha escura que cobre a maioria – mas não a totalidade – do Sol", concluiu a agência.

    Mais:

    Tocando eclipse solar: voo da Argentina capta vídeo e fotos da escuridão no céu
    Após 119 anos, registro de 1º eclipse solar da história é divulgado em VÍDEO
    Todo o esplendor do eclipse solar 2019: escuridão total envolve partes da América do Sul
    Tags:
    espaço, deserto, anel de fogo, eclipse solar, NASA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar