17:19 21 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Mosaico descoberto pelo grupo de arqueólogos do Instituto Zinman

    Achado em Israel antigo mosaico retratador de um dos milagres de Jesus Cristo (FOTO)

    © Foto/ Universidade de Haifa
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    1231
    Nos siga no

    Arqueólogos encontraram um mosaico do século V d.C. na "Igreja Incendiada" de Sussita, na Galileia Oriental israelense, que representa um dos milagres de Jesus Cristo descritos no Novo Testamento, relata a CBN News.

    Na publicação diz-se que padrões geométricos, pássaros, peixes, frutas e cestas provavelmente representam o milagre da "alimentação da multidão".

    No Novo Testamento está escrito sobre como Jesus Cristo multiplicou uma pequena quantidade de comida para alimentar 5.000 pessoas que se reuniram para ouvi-lo.

    Mosaico descoberto pelo grupo de arqueólogos do Instituto Zinman
    Mosaico descoberto pelo grupo de arqueólogos do Instituto Zinman

    "A igreja estava localizada bem na borda ocidental do monte Sussita e é o ponto mais ocidental da cidade com vista para o mar da Galileia e para o Ministério de Jesus, onde a maioria dos milagres aconteceu. Não há dúvidas de que a comunidade local estava bem familiarizada com os dois milagres de Alimentar a Multidão e talvez conhecesse locais estimados melhor do que nós", comentou a descoberta o chefe da equipe arqueológica de Sussita, Michael Eisenberg, para CBN News.

    A cidade, construída no alto da montanha com vista para o mar da Galileia, foi uma das maiores da época dos impérios romano e bizantino.  Arqueólogos acreditam que ela foi queimada no início do século VII durante as conquistas dos sassânidos, antigo Império que se localizava onde hoje se encontram Iraque e Irã.

    Mais:

    Será que o lendário Golias era mesmo gigante? Arqueólogos esclarecem
    Arqueóloga faz descoberta extraordinária de 'labirinto de túneis subterrâneos' no Egito
    Arqueólogos teriam achado selo de Adonias, filho do rei Davi (FOTO)
    Tags:
    milagre, mosaicos, Israel, Jesus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar