00:56 26 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Marte

    Pesquisadores chineses apresentam projeto para criar solo fértil em Marte

    © flickr.com/ European Southern Observatory
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    3110

    Pesquisadores do Instituto de Hidrobiologia da Academia de Ciências da China apresentaram um projeto ambicioso: transformar o deserto arenoso de Marte em solo fértil como uso de microalgas.

    A Sputnik China conversou com cientistas russos e chineses sobre a probabilidade de esse projeto ser implementado.

    Segundo o cientista russo Vitaly Khoroshavin, é possível tornar fértil qualquer solo, inclusive o do planeta vermelho, cuja composição química mineral não é muito diferente da do nosso planeta.

    Por sua vez, o professor chinês Na Zhongyuan considera que esse projeto é extremamente difícil de ser implementado em Marte.

    "Um organismo vivo precisa de determinadas condições. Marte, com sua temperatura e quantidade de radioatividade, não tem nada a ver com a Terra. Quase não há atmosfera em Marte. As reações de redução-oxidação desempenharam um papel enorme no processo evolutivo da Terra. Mas essas algas não se desenvolveram no solo, mas debaixo d'água e somente então vieram para a superfície terrestre", disse.

    O que a ciência confirma é que o fator mais importante no surgimento de condições adequadas para a vida é a oxidação da atmosfera, durante a qual a água é dividida em seus elementos constituintes. Sem um ambiente oxidado, a criação de uma camada de solo fértil não é possível.

    "Apenas sob a ação de reações redox um organismo pode se desenvolver. Portanto, a água é importante. Esta é a única maneira de preservar as condições em que os organismos podem se desenvolver e existir. Se não houver tais condições, o projeto não terá sucesso, porque estas são as condições mais necessárias para a vida. Sem mencionar a temperatura e a radiação", observou Zhongyuan.

    Khoroshavin compartilha as preocupações de seu colega chinês. Segundo ele, é pouco provável que as algas sobrevivam nas condições marcianas desprotegidas.

    "Mudanças repentinas nas temperaturas diurna e noturna, ausência de água, radiação, movimentação ativa do solo sob ação de massas de ar em movimento [tempestades] e assim por diante. Se forem criadas condições para proteger uma área em Marte desses fatores adversos, a fertilização dos solos marcianos é bem possível", comentou.

    Conclui-se que apenas é possível obter a proteção da área com solo fértil com a ajuda de uma cúpula artificial ou criando uma infraestrutura subterrânea. No entanto, de que forma implementar esses projetos já é uma questão de outra ordem.

    Mais:

    Geólogos acham universo imenso de 'bactérias zumbis' nas profundezas da Terra
    Estrela na Via Láctea ameaça com explosão mais poderosa do Universo (VÍDEO)
    Aparelho da NASA é 'apanhado' em Marte por outra sonda espacial (FOTOS)
    Tags:
    água, solo, algas, NASA, Marte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar