07:08 10 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Derretimento de geleiras vai afetar 293 cidades no mundo (imagem referencial)

    Até nunca mais, Rio: climatologista prevê desaparecimento de 100 cidades no próximo século

    © AP Photo / Ramon Espinosa/AP
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    165527

    Pelo menos 100 grandes cidades desaparecerão gradualmente no próximo século devido ao aumento do nível do mar causado pelo derretimento das geleiras, afirmou especialista.

    O glaciologista e climatologista canadense Shawn Marshall afirmou durante entrevista à RCN Radio na terça-feira (20) que isso causará uma migração massiva de pessoas em muitas regiões do mundo como consequência do degelo, que repercutirá em menos água potável.

    Estima-se que muitas cidades litorâneas desaparecerão causando a migração de 1,6 bilhão de pessoas e, segundo o glaciologista, esse fenômeno é inevitável e "não há como voltar atrás".

    De acordo com Marshall, de entre as principais cidades condenadas estão o Rio de Janeiro (Brasil), Nova York e Miami (EUA), Londres (Reino Unido), Pequim e Xangai (China).

    O glaciologista chega à conclusão que as outras localidades longe do litoral "deverão acolher ao menos 100 milhões de refugiados nos próximos anos".

    Na lista dos principais causadores dessa terrível mudança climática estão a China, Estados Unidos, Índia e Rússia, segundo o especialista, adicionando que o Ártico, Groenlândia, Rússia, Canadá, Noruega e Peru são as áreas mais problemáticas do mundo.

    Mais:

    Nível do mar aumenta mais rápido do que se acreditava
    Satélites exibem a devastação causada pela mudança climática (FOTOS)
    Mudança climática não é 'uma questão de fé', diz Merkel
    Desastre global: pior cenário de mudança climática se torna ainda mais grave
    Tags:
    geleira, nível dos mares, derretimento, desastre ambiental, litoral, New York, Londres, Rio de Janeiro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik