06:37 18 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Imagem 3D da cratera Ismenia Patera (Marte)

    O que Marte e Reino Unido têm em comum? Cientistas explicam

    CC BY 3.0 / ESA/DLR/FU Berlin
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    944

    Cientistas do Reino Unido procuraram verificar se Marte já havia sido habitado e parece que descobriram provas de que lá existiam organismos vivos.

    Para provar hipótese, especialistas do Imperial College London estudaram correntes de ácido no condado de Dorset (Inglaterra). Lá os pesquisadores encontraram traços de micróbios capazes de sobreviver no Planeta Vermelho.

    Os arroios secos da baía de San Oswald têm aspecto parecido à superfície marciana. Isso acontece pela presença de hematita — um mineral composto por óxido férrico — que faz parte da composição da areia de Marte.

    Vários cientistas acreditam que em Marte, em algum momento, havia água que entrou em estado sólido ou foi evaporada ao espaço posteriormente devido à incapacidade da atmosfera do planeta de mantê-la.

    Pesquisadores descobriram ácidos graxos nos arroios e explicaram isso como uma possível prova de que em algum momento o local poderia ter abrigado organismos vivos. Os resultados da pesquisa estão disponíveis na revista Scientific Reports.

    Ou seja, se a água marciana tivesse uma estrutura semelhante à dos arroios de Dorset, ela também poderia ter sido um ambiente apto para os seres vivos. Se a suposição for verdadeira, as rochas do Planeta Vermelho contêm restos desses organismos.

    Especialistas concluíram que, se sua hipótese for comprovada, basta procurar por ácidos graxos em Marte para descobrir se o planeta era habitável ou não no passado.

    Muitos pesquisadores concordam que Marte já foi um dia apropriado para a vida, mas o período durou tão pouco que os primeiros organismos mal puderam evoluir para representar formas de vida complexas.

    Mais:

    Pegue sonda espacial para viajar sobre cratera de Marte (VÍDEO)
    FOTOS de vestígios humanos em Marte e na Lua representam sinais de vida extraterrestre?
    Rússia e União Europeia juntas em Marte: Local de aterrissagem será divulgado até novembro
    Putin espera que política não interfira em planos de exploração de Marte
    Especialista explica por que NASA quer enviar enxame de abelhas robôs para Marte
    Tags:
    água, pesquisa, vida extraterrestre, Reino Unido, Marte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik