00:05 26 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Asteroides

    NASA está se preparando para lançar novo satélite caçador de alienígenas (FOTO, VÍDEO)

    CC0 / Pixabay
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    320

    A NASA planeja adicionar um satélite avançado para caça orbital de exoplanetas já em abril. O satélite será lançado do Cabo Canaveral no estado da Flórida, EUA, e promete grandes descobertas.

    O projeto da agência espacial Transiting Exoplanet Survey Satellite (TESS) chegou ao Centro Espacial Kennedy na Flórida para preparativos finais antes do lançamento.

    Segundo um porta-voz da NASA, assim que o TESS for posicionado na órbita terrestre, vai usar quatro câmaras de vasto campo para monitorar constantemente mais de 200.000 estrelas brilhantes, focando-se em escuridões causadas pelo movimento dos planetas, pois o método é útil na identificação de exoplanetas relativamente pequenos.

    Em dois anos de monitoramento da visível vizinhança da galáxia, a NASA espera identificar milhares de exoplanetas. Assim que identificados, os exoplanetas serão escaneados para descobrimento de vida extraterrestre pelo telescópio James Webb Space (JWST, na sigla em inglês).

    Este aparelho cósmico a bordo da nave espacial vai identificar os planetas do tamanho da Terra e gigantes gasosos em meio a uma grande variedade estrelar e distâncias orbitais. Na declaração da NASA é salientado que nenhuma pesquisa realizada da Terra seria capaz de fazer o mesmo.

    "O TESS vai detectar os planetas de montanhas e gelo que circulam em meio a um enorme leque de tipos estelares e que cobrem vários períodos orbitais, incluindo mundos montanhosos nas zonas habitáveis de suas estrelas anfitriãs", diz-se na declaração.

    Estão prontos para encontrar alguns planetas? O próximo detector de planetas TESS da NASA sob a liderança do projeto TESS chegou ao Centro Kennedy para lançamento através da SpaceX não antes de 16 de abril, espera-se aprovação de escala

    Inicialmente, o lançamento do TESS estava marcado para 20 de março de 2018, mas foi adiado a pedido da companhia SpaceX, porque o satélite será lançado para a órbita em um dos foguetes reutilizáveis Falcon 9 da empresa aeroespacial.

    Em 6 de fevereiro, a SpaceX lançou o foguete mais potente do mundo – o Falcon Heavy, inspirado e desenhado pelo fundador da companhia Elon Musk.

    Mais:

    Especialista revela como transformar asteroides em armas
    Retorna ou cai? Astrônomos avaliam chances de queda do carro Tesla na Terra
    Cientistas revelam 'passado violento' de asteroide parecido com nave extraterrestre
    Tags:
    lançamento espacial, satélite, vida extraterrestre, alienígenas, Falcon Heavy, NASA, Elon Musk, Espaço
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik