04:51 18 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    A Terra vista da Estação Espacial Internacional

    Rússia e China constroem juntas estações de monitoramento espacial

    © Foto: NASA/Reid Wiseman
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    5191

    Novas estações terrestres do sistema russo-chinês de monitoramento e correção diferenciada estão sendo construídas.

    O anúncio foi feito por Zhang Juan, conselheiro da Embaixada da China e representante geral da Agência Espacial Chinesa (CNSA), à agência RIA Novosti.

    "No momento, estamos no processo da realização", informou Juan questionado sobre o período de construção das seis novas estações terrestres.

    Anteriormente, o construtor-geral da corporação Sistemas Espaciais Russos, Grigory Stupak, falou sobre a possibilidade de criação de um sistema de navegação de alta precisão em conjunto com a China. Esse sistema contará com 54 estações da rede terrestre de monitoramento e correção diferenciada. Além disso, foi abordada a possível construção de três estações russas no território da China e de três estações chinesas na Rússia.

    Destaca-se que o sistema visa ampliar as possibilidades da área especial dos sistemas Glonass e Beidou e poderá garantir a precisão de posicionamento superior a um metro.

    Mais:

    SpaceX lança primeiro foguete Falcon 9 desde a explosão de setembro (VÍDEO)
    Rússia lança foguete Soyuz com nova equipe espacial
    Tags:
    navegação, sistema, monitoramento, espaço, Beidou, Glonass, RIA Novosti, Sistemas Espaciais Russos, Embaixada da China, China, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik