20:32 23 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    A figura de um extraterrestre em um estacionamento na cidade de Baker, estado norte-americano de Califórnia. Foto de arquivo, 10 de maio de 2015

    Cientistas descobrem por que extraterrestres guardam ‘silêncio’

    © AFP 2017/ FREDERIC J. BROWN
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    20438483372

    Cientistas australianos conseguiram descobrir a razão por que os possíveis habitantes de outros planetas guardam silêncio.

    Os resultados da pesquisa foram publicados na edição Internet Astrobiology.

    Os cientistas acreditam que os fatos de aparição e existência de formas de vida complexas, inclusive as inteligentes, em outros sistemas solares e planetas próximos à Terra são muito raros.

    Um buraco negro na visão de um artista
    © AFP 2017/ L. Calçada / EUROPEAN SOUTHERN OBSERVATORY
    Eles explicam a razão para isso: caso alguma forma de vida aparecer em um de exoplanetas [quer dizer, fora do Sistema Solar] ela não tem bastante tempo para evoluir para uma forma mais complexa e ela morre ou se extingue. Para além de outros planetas ou corpos celestes, ao contrário à Terra, não terem a capacidade de manter condições favoráveis para a  continuação da vida, os representantes de uma possível fauna extraterrestre enfrentarão a extinção antes de desenvolverem capacidade de “falar”, quer dizer, de realizar qualquer tipo de comunicação com outras formas de vida que, além do mais, se encontram a uma distância enorme mesmo à escala do Universo.

    Segundo a publicação, 4 bilhões de anos atrás, as condições de vida na Terra, Vênus e Marte foram quase semelhantes, mas a vida só conseguia evoluir na Terra. Parcialmente, as razões para isso são as seguintes: o planeta Vermelho (quer dizer, Marte) era demasiado frio e, em Vênus, o calor era intolerável para que a vida pudesse evoluir.

    Os cientistas supõem que, caso a humanidade pudesse colonizar os planetas vizinhos, constataria que nestes há restos de diferentes formas de vida, mas que todas elas são extremamente primitivas e não poderiam comunicar connosco.

    Tags:
    vida inteligente, vida extraterrestre, pesquisa, espaço, Sistema Solar, Terra
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik