22:19 21 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Charges

    Vontade dos EUA de destruir é grande, já de limpar... nem tanto

    Charges
    URL curta
    1130

    Os EUA não vão ajudar a restaurar regiões sírias controladas pelo presidente Bashar Assad, afirmou um alto funcionário norte-americano durante reunião dos chanceleres do G7.

    Vontade dos EUA de destruir é grande, já de limpar... nem tanto

    Segundo sublinhou David Satterfield, assessor interino do secretário de Estado dos EUA para assuntos do Oriente Médio, Washington prestará ajuda caso seja realizada reforma constitucional e eleições sob a égide da ONU. Segundo ele, esta tarefa exigirá ao menos 200 ou 300 bilhões de dólares.

    Os Estados Unidos apoiaram a queda de Bashar Assad, financiando opositores curdos e rebeldes que eventualmente se aliaram a grupos terroristas. A estratégia levou ao prolongamento do conflito, dividindo por anos o país em zonas controladas pelo governo e pelo Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia).

    Mais:

    EUA se recusam a ajudar restauração de regiões sírias controladas por Assad
    Macron pede aos EUA e aliados que permaneçam na Síria mesmo após derrota do Daesh
    Tags:
    restauração, Donald Trump, Bashar Assad, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik

    Mais charges