05:14 27 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Charges

    Quando a vontade é maior que a capacidade

    Charges
    URL curta
    45625
    Nos siga no

    A administração dos EUA pode assumir o controle sobre os portos russos de Vladivostok, Nakhodka e Vanino no contexto do cumprimento das sanções contra a Coreia do Norte.

    Quando a vontade é maior que a capacidade

    Esta cláusula está no projeto de lei aprovado na quinta-feira (4) pela Câmara dos Representantes do Congresso dos EUA.

    Por seu lado, o vice-presidente do Comitê da Duma de Estado para a Defesa da Rússia, Andrei Krasov, sublinhou que nenhum navio norte-americano entrará nas águas territoriais da Rússia, porque ninguém pediu aos EUA para assumirem esses poderes. Krasov prometeu que todas as ações dos EUA terão uma resposta adequada.

    Tags:
    Extremo Oriente, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais charges

    • Android não é mais bem-vindo aqui
      Last update: 10:47 10.09.2020
      10:47 10.09.2020

      Android não é mais bem-vindo aqui

      Gigante chinesa das telecomunicações Huawei anunciou utilização do próprio sistema operacional Harmony 2.0 em seus smartphones a partir de 2021 devido a limitações comerciais impostas pelos EUA.

    • Perdendo a corrida na Síria
      Last update: 11:46 27.08.2020
      11:46 27.08.2020

      Perdendo a corrida na Síria

      Durante tentativa de bloquear a passagem de um comboio de blindados russos na Síria, soldados americanos acabaram ficando feridos durante colisão entre um blindado da Rússia e outro americano.

    • Quando a intromissão dá errado
      Last update: 11:31 04.08.2020
      11:31 04.08.2020

      Quando a intromissão dá errado

      O presidente dos EUA, Donald Trump, em entrevista ao site Axios, chamou o envio de tropas para o Oriente Médio de maior erro da história dos Estados Unidos.

    • Tropas dos EUA não param quietas
      Last update: 11:49 30.07.2020
      11:49 30.07.2020

      Tropas dos EUA não param quietas

      O presidente dos EUA, Donald Trump, defendeu a decisão de retirar seus soldados da Alemanha pelas importações alemãs de gás da Rússia.