16:40 12 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Charges

    Bateu recorde! Em modalidade de hipocrisia

    Charges
    URL curta
    290
    Nos siga no

    A segunda parte do relatório da comissão independente da WADA liderada por Richard McLaren, publicada nesta sexta-feira (9), revelou as amostras de controle de dopagem alegadamente falsificadas pelos atletas russos em mais de 30 modalidades.

    Citius, Altius, Fortius, Hypocritius! WADA continua atacando os atletas russos

    Afirma-se que há indícios de fraude em 12 das 44 amostras dos medalhistas olímpicos em Sochi 2014, bem como em mais 6 testes de medalhistas paraolímpicos.

    A comissão concluiu que tais manipulações e casos do uso de doping também tiveram lugar noutras grandes competições, inclusive nas Olimpíadas 2012 em Londres.

    O relatório afirma que alegadamente teriam sido mais de mil atletas os envolvidos em fraudes de amostras ou que se beneficiaram do processo.

    Representantes da elite esportiva russa, entrevistados pela agência RIA Novosti, frisaram que a segunda parte do relatório da WADA, tal como a primeira, não contém provas concretas sobre alegados crimes ou nomes daqueles que os cometeram, representando acusações sem fundamento.

    "Até hoje, em seu discurso, McLaren não falou nada de novo sobre doping na Rússia. Alguns ‘milhares de atletas', algumas cartas e testemunhas", afirmou Mikhail Degtyaryov, o chefe do Comitê da Duma de Estado responsável pelos assuntos de cultura física e esporte.

    Há de destacar as inúmeras exceções da WADA para os atletas norte-americanos no que se trata do uso de doping, dando a desculpa da "prescrição médica". Por exemplo, a conhecida ginasta dos EUA, Simone Biles, não chegou a ser desqualificada dos Jogos Rio 2016, embora seus testes de doping tivessem mostrado resultado positivo. Sabe-se também que a tenista Serena Williams recebeu permissão da WADA para usar várias substâncias consideradas proibidas devido a problemas de saúde.

    Mais:

    Alto funcionário do COI: McLaren deve apresentar provas reais do uso de doping na Rússia
    Interpol se junta à WADA em novo projeto de combate ao doping
    EUA e Europa expressam sua opinião em relação à 'permissão' de doping
    Tags:
    amostras, charge, testes, Jogos Olímpicos, doping, Olimpíadas, WADA, Richard McLaren, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar

    Mais charges

    • Querendo distrair atenção para quê?
      Last update: 13:10 12.12.2019
      13:10 12.12.2019

      Querendo distrair atenção para quê?

      O Senado dos EUA apelou para o Departamento de Estado para este incluir a Rússia na lista dos patrocinadores do terrorismo. Cabe ao secretário de Estado resolver quanto à tomada da medida.

    • Quando solução é simples
      Last update: 12:57 03.12.2019
      12:57 03.12.2019

      Quando solução é simples

      De acordo com analista, entrevistado pela Sputnik, a Aliança Atlântica não satisfaz mais necessidades da Turquia na área de segurança.

    • Sempre cabe mais um no Ártico para OTAN
      Last update: 11:43 29.11.2019
      11:43 29.11.2019

      Sempre cabe mais um no Ártico para OTAN

      Diplomata russo declarou em entrevista à Sputnik que a atividade militar da OTAN no Ártico, em que a aliança envolve países afastados da região, intensifica as tensões político-militares.

    • Liberdade imaginária
      Last update: 13:03 21.11.2019
      13:03 21.11.2019

      Liberdade imaginária

      Modelo de negócios do Google e Facebook ameaça os direitos humanos, declarou a ONG Anistia Internacional.