15:17 24 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0131
    Nos siga no

    Brasil ganha da Espanha na prorrogação e se torna bicampeão olímpico no futebol masculino com gols de Malcom Felipe e Matheus Cunha. Anteriormente, o país havia conquistado três medalhas de prata e duas de bronze na categoria.

    Em uma disputa acirrada o Brasil é o vencedor da categoria futebol masculino nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020!

    A disputa teve como palco o Estádio Internacional de Yokohama, no Japão.

    Nos acréscimos do primeiro tempo, Matheus Cunha marcou o primeiro para o Brasil. Aos 14 segundos do segundo tempo, Mikel Oyarzabal marcou para Espanha deixando o jogo empatado e bastante competitivo.

    Com o empate, o jogo foi para prorrogação. Aos nove minutos, Malcom Felipe marcou novamente para o Brasil levando o time brasileiro à vitória.

    Malcom Felipe comemora o segundo gol que levou o Brasil à vitória, Jogos Olímpicos Tóquio 2020, 7 de agosto de 2021
    © REUTERS / THOMAS PETER
    Malcom Felipe comemora o segundo gol que levou o Brasil à vitória, Jogos Olímpicos Tóquio 2020, 7 de agosto de 2021

    Nas quartas de final, o Brasil ganhou do Egito por 1 a 0 e nas semifinais de 4 a 0 do México.

    A seleção brasileira buscava nesse jogo sua segunda medalha olímpica na categoria. A primeira foi nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Anteriormente, o país conquistou as medalhas de prata em 1984, 1988 e 2012 e de bronze em 1996 e 2008 na modalidade.

    Matheus Cunha comemora seu primeiro gol nos acréscimos do segundo tempo com outros jogadores, Olimpíadas Tóquio 2020, 7 de agosto de 2021
    © REUTERS / STOYAN NENOV
    Matheus Cunha comemora seu primeiro gol nos acréscimos do segundo tempo com outros jogadores, Olimpíadas Tóquio 2020, 7 de agosto de 2021

    Já a Espanha, foi medalhista olímpica no futebol em um momento especial como foi o do Brasil, pois foi nos Jogos Olímpicos Barcelona 1992, jogando em casa, que os espanhóis levaram o ouro. Em 1920 e 2000 o país levou medalhas de prata na categoria.

    Mikel Oyarzabal da Espanha comemora seu primeiro gol no jogo aos 14 segundos do segundo tempo, Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, 7 de agosto de 2021
    © REUTERS / THOMAS PETER
    Mikel Oyarzabal da Espanha comemora seu primeiro gol no jogo aos 14 segundos do segundo tempo, Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, 7 de agosto de 2021

    Em diferentes modalidades, até o momento, o Brasil conquistou seis medalhas de ouro, quatro de prata e oito de bronze, totalizando 18 medalhas.

    A Espanha conquistou três de ouro, sete de prata e seis de bronze, com 16 medalhas no total.

    O jogador Richarlison se cobre com a bandeira do Brasil após o time brasileiro ganhar da Espanha nos Jogos Olímpicos Tóqui 2020, 7 de agosto de 2021
    © REUTERS / STOYAN NENOV
    O jogador Richarlison se cobre com a bandeira do Brasil após o time brasileiro ganhar da Espanha nos Jogos Olímpicos Tóqui 2020, 7 de agosto de 2021

    Apesar de toda polêmica que envolveu a realização dos jogos pelo contexto da pandemia, os Jogos Olímpicos Tóquio 2020 aconteceram com sucesso, e ajudaram a tirar um pouco o foco do complicado período enfrentado por todos para dar lugar a emoção de torcer pelos atletas que representam suas nações.

    Naomi Osaka do Japão segura a tocha olímpica após acender o caldeirão na cerimônia de abertura das Olimpíadas de Tóquio 2020, 23 de julho de 2021
    © REUTERS / Kai Pfaffenbach
    Naomi Osaka do Japão segura a tocha olímpica após acender o caldeirão na cerimônia de abertura das Olimpíadas de Tóquio 2020, 23 de julho de 2021

    A abertura dos jogos em Tóquio foi no dia 23 de julho, entretanto, amanhã (8), o evento chega ao fim.  

    Mais:

    Surfista Ítalo Ferreira conquista 1ª medalha de ouro para Brasil nas Olimpíadas de Tóquio
    Rayssa Leal e outros: atletas mais jovens e mais velhos das Olimpíadas de Tóquio
    Brasil vai vacinar todos os atletas para Olimpíadas e Paralimpíadas de Tóquio, diz jornal
    Tags:
    Jogos Olímpicos, Brasil, futebol, Espanha, medalhistas, ouro, Olimpíadas de Tóquio 2020
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar