23:29 16 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    255
    Nos siga no

    Evento acontece no Complexo Naval e Industrial de Itaguaí (CNI), no sul do estado do Rio de Janeiro, em meio às comemorações pelo Dia do Marinheiro.

    O presidente Jair Bolsonaro participou nesta sexta-feira (11) do lançamento ao mar do submarino Humaitá. Além do lançamento, também foi realizada a demonstração do estágio de construção e de testes dos cinco submarinos previstos no Programa de Desenvolvimento de Submarinos (Prosub).

    ​O Prosub prevê a entrega de quatro submarinos convencionais e um nuclear, escreve o jornal O Globo.

    O Humaitá é o segundo submarino da classe Scorpene a ser lançado ao mar, e é fruto de uma cooperação tecnológica com a França. Em 2018, a Marinha lançou o submarino Riachuelo – a embarcação está em fase de testes finais, e deve ser entregue para operação em 2021.

    O objetivo do Prosub é reforçar a faixa litorânea conhecida como Amazônia Azul. A área compreende 67% do território brasileiro. O programa foi lançado em 2008 e prevê um investimento total de R$ 37,1 bilhões.

    O submarino Álvaro Alberto, de propulsão nuclear, é considerado o projeto mais complexo do programa. A embarcação começou a ser construída em 2012.

    Os submarinos nucleares podem ficar submersos por tempo maior que o convencional, já que não precisam subir à superfície para alimentar o sistema de propulsão, que não depende de ar.

    No entanto, envolvem uma série de desafios orçamentários e técnicos, como a compra de componentes e a capacidade de manter um reator nuclear em alta profundidade.

    Mais:

    Submarinos da classe Ohio dos EUA deverão receber em breve mísseis hipersônicos, diz especialista
    FOTO revela novo helicóptero 'caçador de submarinos' da Marinha da Índia
    Túnel rodoviário submarino é construído no Atlântico (FOTOS)
    Tags:
    Programa de Desenvolvimento de Submarinos (Prosub), lançamento, vídeo, França, submarino, Bolsonaro, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar