08:23 17 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    011
    Nos siga no

    Números divulgados nesta quarta-feira (2) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que a produção industrial brasileira cresceu 1,1% em outubro, na comparação com setembro.

    O número representa a sexta alta seguida do setor, mas revela uma desaceleração no ritmo de recuperação.

    "Mesmo com o desempenho positivo nos últimos meses, o setor industrial ainda se encontra 14,9% abaixo do nível recorde alcançado em maio de 2011", escreveu o IBGE, em nota.

    Com o avanço de 39% em seis meses, o setor está agora 1,4% acima do patamar de fevereiro, quando a pandemia de coronavírus ainda não havia paralisado a produção do país.

    Entre as atividades, a influência positiva mais relevante em relação ao mês de setembro foi a de veículos automotores, reboques e carrocerias (4,7%).

    Outras contribuições positivas para a indústria vieram de metalurgia (3,1%), produtos farmoquímicos e farmacêuticos (4,5%), máquinas e equipamentos (2,2%), produtos de metal (2,8%) e couro, artigos para viagem e calçados (5,7%).

    Mais:

    Brasil precisa fazer reformas para aproveitar liquidez mundial, opina economista
    Pessimismo com Brasil e Argentina tem razões políticas e econômicas, diz especialista
    Economista: Brasil precisa 'clarear' como vai agir no pós-pandemia para atrair investimento externo
    OCDE vê recuperação da economia global puxada pela China após crise gerada pela COVID-19
    Tags:
    IBGE, economia, Brasil, indústria, indústria nacional, recuperação, retomada
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar