06:55 23 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil na luta contra COVID-19 no início de novembro (27)
    180
    Nos siga no

    O Ministério Público (MP) pediu ao TCU (Tribunal de Contas da União), nesta terça-feira (10) uma avaliação se a decisão da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) de suspender os testes da vacina CoronaVac, contra a COVID-19, foi feita corretamente.

    O MP pede que se investigue se a motivação da suspensão foi feita com base em protocolos e motivações objetivas ou se o órgão está sendo afetado por influências político-ideológicas.

    O texto da ação, assinado pelo subprocurador-geral Lucas Rocha Furtado, divulgado pelo jornal Folha de S.Paulo, pede que o TCU acompanhe os processos decisórios em futuras aprovações ou suspensões de testes de vacinas de modo a assegurar uma atuação "legal, econômica, impessoal e transparente".

    "Se, de fato, isso estiver ocorrendo, a saúde da população brasileira está sendo colocada em risco para suprir anseios políticos", afirma Furtado. "Já não bastasse o risco de um vírus fatal no âmago da nossa sociedade. Agora, ao que parece, a luta é contra outros vírus: a guerra política brasileira. E a população segue esquecida", diz.

    A paralisação dos estudos clínicos da CoronaVac foi anunciada pela Anvisa na noite de segunda-feira (9). Segundo a agência, a decisão ocorreu devido ao registro de um evento adverso grave.

    No entanto, um laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou que a causa da morte do voluntário dos testes do imunizante foi suicídio.

    Tema:
    Brasil na luta contra COVID-19 no início de novembro (27)

    Mais:

    Anticorpos contra coronavírus foram descobertos em pessoas sem COVID-19
    EUA ultrapassam marca de 10 milhões de casos de COVID-19
    COVID-19: novas medidas de restrição de circulação em Portugal impactam negócios de brasileiros
    EUA aprovam terapia de emergência para COVID-19 da farmacêutica Eli Lilly
    Antibióticos são ineficazes contra COVID-19? Cientista russo responde
    Revolta da Vacina: por que parte dos brasileiros teme imunização contra COVID-19?
    Tags:
    COVID-19, Brasil, novo coronavírus, Vacina CoronaVac, vacina, vacinação, imunização, imunizante, pandemia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar