23:48 30 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    233
    Nos siga no

    Nesta terça-feira (25), o ex-jogador Ronaldinho Gaúcho deixou o Paraguai ao lado do irmão mais velho, Roberto de Assis, após ambos ficarem quase seis meses presos no país.

    Na segunda-feira (24), os brasileiros tiveram a liberdade concedida em audiência na capital paraguaia, Assunção. Ambos estavam em prisão domiciliar no país desde abril.

    Ronaldinho e o irmão foram presos no Paraguai em março após serem pegos com documentação alterada para entrar no país. Com suspeitas de lavagem de dinheiro e falsificação, ambos foram detidos para que não fugissem para o Brasil.

    Jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho chega ao Palácio da Justiça em Assunção, no Paraguai, para testemunhar sobre sua entrada no país de forma irregular
    © AFP 2020 / NORBERTO DUARTE
    Jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho chega ao Palácio da Justiça em Assunção, no Paraguai, para testemunhar sobre sua entrada no país de forma irregular

    A Justiça paraguaia, porém, não encontrou provas que confirmassem as suspeitas e, após acordo com pagamento de R$ 1,1 milhão em multas, os brasileiros foram libertados e liberados para o retorno ao Brasil, mesmo com as fronteiras fechadas devido à pandemia da COVID-19.

    Segundo publicou o portal G1, ao saírem do hotel onde ficaram presos, os brasileiros deram autógrafos a fãs de Ronaldinho Gaúcho. Ainda segundo o portal, o acordo com a Justiça paraguaia garantiu que o valor da multa seja descontado dos R$ 8,9 milhões pagos em fianças pelos brasileiros quando foram para a prisão domiciliar.

    Os processos contra Ronaldinho e o irmão serão arquivados.

    Mais:

    Ronaldinho Gaúcho é detido com passaporte paraguaio falso (FOTOS)
    Ronaldinho Gaúcho tem prisão domiciliar concedida no Paraguai
    Ronaldinho Gaúcho é solto no Paraguai e liberado para voltar ao Brasil
    Tags:
    Brasil, Paraguai, Ronaldinho Gaúcho
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar